"Perdi um irmão?, diz o ex-goleiro Tobias. Não é para menos. Moisés, o Moisés Matias de Andrade, era mesmo um grande companheiro do ex-camisa 1 corintiano. Os dois jogaram juntos pelo alvinegro do Parque São Jorge, onde foram campeões paulistas de 1977, e também em Moça Bonita, nos tempos em que defendiam o Bangu. "Eu falava muito com ele (Moisés) por telefone. Já tinha até combinado que iria ao Rio lhe fazer uma visita. Infelizmente, não deu tempo?, lamenta Tobias. Moisés morreu na última terça-feira, vítima de câncer no pulmão. Moisés era casado e deixou três filhos. Zagueiro viril, daqueles que não costumavam brincar em serviço, Moisés defendeu as equipes do Bonsucesso, Botafogo, Vasco da Gama, Flamengo, Fluminense, Bangu, PSG (França) e se destacou no Corinthians. Pela seleção brasileira, ele atuou em apenas uma partida. Acima, Moisés no time corintiano. A foto de "Placar? é do dia 5 de dezembro de 1976, data da "Invasão da Fiel ao Maracanã?. Em pé: Zé Maria, Tobias, Moisés, Zé Eduardo, Givanildo e Wladimir. Agachados: Vaguinho, Neca, Geraldão, Ruço, Romeu e o massagista Rocco.

Depois de empate por 1 a 1, o Corinthians, nos pênaltis, derrotou o forte e favorito Fluminense. Moisés foi um dos cobradores corintianos e não desperdiçou. O Corinthians foi à final do Brasileirão daquele ano. Abaixo, ele com a camisa do time vascaíno de 1972. Em pé: Andrada, Puruca, Alcir, Moisés, Miguel e Eberval. Agachados: Jorginho Carvoeiro, Buglê, Silva, Tostão e Ademir. Moisés, que adorava pesca submarina, ganhou muitas divididas em campo, mas não conseguiu derrubar o cigarro de sua vida. Uma pena.

Moisés no dia 5 de dezembro de 2006. Era festa pelo aniversário da "Invasão Corintiana", de 1976. Foto: ZDL

Compartilhe:
Imagem Nuvem de Notificações

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    58
  • 2 Pal
    50
  • 3 San
    48
  • 4 Cor
    43
  • 5 São
    43
  • Veja tabela completa