Piloto da Eurofarma RC terminou a prova em segundo lugar. Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

Piloto da Eurofarma RC terminou a prova em segundo lugar. Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

Daniel Serra, de 35 anos, conquistou neste domingo (15), em Interlagos, o tricampeonato consecutivo da Stock Car, igualando o feito do seu pai, Chico Serra, que também foi três vezes campeão da categoria desta forma, em 1999, 2000 e 2001.

Depois de largar em sétimo, Daniel Serra (Eurofarma RC) fez uma prova consistente mas também de performance e terminou em segundo lugar, evitando qualquer contratempo, uma vez que Thiago Camilo, vice-líder do campeonato, mostrava-se com apetite pela vitória com pontuação dobrada.

Camilo, de fato, conseguiu levar o carro da Ipiranga Racing ao topo do pódio, vencendo a prova paulistana. Foi seu 29º triunfo pela Stock, categoria pela qual estreou em 2003. Marcos Gomes (KTF Sports)  terminou em terceiro.

"A última noite foi uma das piores que tive, por causa da ansiedade. Mas no final das contas, tudo acabou bem. Estou feliz por ter chegado em segundo e principalmente por ter conquistado o tricampeonato. Meu pai foi fundamental neste processo, pois depois que fiz três corridas ruins no meio do ano, ele conversou comigo e disse que eu precisaria mudar minha postura para chegar a mais uma conquista. Agora é o momento de celebrar”, comentou Daniel Serra.

A PROVA

Na largada, Gomes manteve a primeira colocação, seguido por Camilo e Fraga. Serra ganhou uma posição, subindo de sétimo para sexto.

Ricardo Mauricio lucrou bem, saltando de 13º para nono. Barrichello manteve a posição de largada, décimo.

No meio do pelotão, confusão. Quatro pilotos não completaram a primeira volta: Gaetano di Mauro, Lucas Foresti, Cesar Ramos e Max Wilson.

O safety-car foi acionado e por duas voltas comandou o pelotão.

Na relargada, Gomes e Camilo seguiram nas duas primeiras colocações. 

Três carros da Cimed se envolveram conjuntamente no mesmo acidente: Cacá, Coletta e Lapenna.

Daniel Serra mantinha-se em sexto lugar. Dois postulantes ao título disputavam o sétimo lugar: Julio Campos e Ricardo Mauricio. Barichello ganhou uma posição e era o nono na volta 7.

FAN PUSH

Os seis pilotos que ganharam um botão de ultrapassagem extra pela votação dos internautas: Barrichello, Foresti, Camilo, Nelsinho, Campos e Bia.

PIT-STOPS

Thiago Camilo foi o primeiro a parar para reabastecimento e troca do pneu traseiro direito, na volta 11.

No giro seguinte foi a vez de Serra fazer sua parada. Ele reabasteceu e trocou o pneu traseiro direito.

Gomes, o líder, parou noa volta 14 e não conseguiu voltar na liderança, caindo para quarto.

Após a janela de paradas, as posições dos seis primeiros: Camilo, Fraga, Serra, Gomes, Casagrande e Nunes.

Na volta final, sem combustível, Fraga perdeu rendimento na Junção e foi superado por Serra, Gomes, Casagrande e Nunes. Ele ainda conseguiu cruzar a linha de chegada na sexta colocação.

Thiago Camilo venceu, Daniel Serra levantou o tricampeonato com o segundo lugar e Marcos Gomes fechou o pódio.

Daniel Serra retornando aos boxes após terminar em segundo lugar e garantir o tricampeonato da Stock em Interlagos. Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

 

Daniel comemora ao lado do filho Lucas no pódio. Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

 

A pequena Luiza no colo do papai vencedor da prova, Thiago Camilo. Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

 

No pódio, Andreas Mattheis (chefe da equipe Ipiranga Racing), Daniel Serra, Thiago Camilo e Marcos Gomes. Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

 

Borbulhas de champanhe na comemoração de Thiago Camilo. Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

 

 Daniel Serra em sua festa particular, feliz da vida com o tricampeonato da Stock. Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

 

CLASSFIFICAÇÃO FINAL DA PROVA - STOCK CAR - INTERLAGOS

CLASSIFICAÇÃO DO CAMPEONATO (DEZ PRIMEIROS COLOCADOS)

1. Daniel Serra, 387
2. Thiago Camilo, 366
3. Ricardo Maurício, 320
4. Felipe Fraga, 313
5. Rubens Barrichello, 310
6. Julio Campos, 307
7. Gabriel Casagrande, 303
8. Cacá Bueno, 234
9. Marcos Gomes, 178
10. Bruno Baptista, 177

PRÓXIMA TEMPORADA

A temporada de 2020 da Stock Car começa em 29 de março, dia em que será disputada a Corrida de Duplas em Goiânia, que será disputada em bateria única. Falando em bateria única, mais duas provas serão disputadas desta forma: a Corrida do Milhão (em 23 de agosto, em Interlagos) e a Super Final, também em Interlagos, em 13 de dezembro.

Antes da primeira etapa, também está marcado um dia de treinos coletivos, em 08 de março, mas sem confirmação do local. O ensaio servirá para que as equipes que competirão com o modelo Toyota Corolla, que estará dividindo o grid com o modelo Cruze da Chevrolet.

CALENDÁRIO COMPLETO DA STOCK CAR EM 2020:

29/03 – Goiânia (GO) – 1ª etapa (Corrida de Duplas)

12/04 – Velopark (RS) – 2ª etapa

17/05 – Londrina (PR) – 3ª etapa

07/06 – Campo Grande (MS)/Alternativa – 4ª etapa

28/06 – Velo Città (SP) – 5ª etapa

19/07 – Santa Cruz do Sul – 6ª etapa

23/08 – Interlagos (SP) – 7ª etapa (Corrida do Milhão)

13/09 – Londrina (PR) – 8ª etapa

18/10 – Cascavel (PR) – 9ª etapa

08/11 – A Confirmar – 10ª etapa

22/11 – Goiânia (GO) – 11ª etapa

13/12 – Interlagos (SP) – 12ª etapa (Super Final)



    

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR A HOME DE AUTOMOBILISMO DO PORTAL TERCEIRO TEMPO 

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR O CANAL DO BELLA MACCCHINA NO YOU TUBE

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR TODAS AS COLUNA

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa