Rodada dupla aconteceu na capital sul-mato-grossense. Foto: Duda Bairros/Vicar

Rodada dupla aconteceu na capital sul-mato-grossense. Foto: Duda Bairros/Vicar

Thiago Camilo (Ipiranga Racing) e Rubens Barrichello (Full Time Sports) foram os vencedores da sexta etapa do campeonato da Stock Car, que aconteceu em rodada dupla na tarde deste domingo (11) no Autódromo Internacional Orlando Moura, em Campo Grande-MS.

Com os resultados combinados das duas provas, Daniel Serra segue na liderança do campeonato, agora com 190 pontos. Ricardo Mauricio segue em segundo, mas como maior pontuador da rodada se aproximou, com 175. O terceiro é Júlio Campos, com 169, seguido de perto por Rubens Barrichello, que soma 168. Thiago Camilo, em quinto, está com 166.

Na corrida 1, Camilo (Ipiranga Racing), que vinha de uma jornada em branco na etapa passada, em Santa Cruz do Sul, em razão da quebra de motor na corrida 1 e não participação na corrida 2, confirmou o favoritismo a partir da pole obtida ontem (quinta na temporada), mas precisou se valer de toda sua experiência de 17 anos na categoria para evitar que Júlio Campos (Prati-Donaduzzi Racing) o superasse.

A chegada da primeira corrida foi emocionante. Depois de voltar por pouco à frente de Campos no pit-stop obrigatório, Camilo viu o oponente encostar de vez nos minutos finais, após cometer um erro. Até a bandeirada havia a possibilidade de mudança de liderança, mas o piloto do carro #21 conseguiu cruzar com a pequena margem de 0s286 em relação a Júlio, o segundo colocado.

Cacá Bueno (Cimed Racing) teve uma bela jornada em Campo Grande, justamente ele que tem o maior número de vitórias pela Stock na capital sul-mato-grossense, para completar o pódio em terceiro.

Muitos motivos de comemoração para o jovem Gaetano di Mauro, que faz sua primeira temporada na Stock. Depois de largar em quinto ele concluiu em sua melhor posição, quarto lugar, próximo a Cacá Bueno, menos de 1 segundo atrás.

Felipe Fraga (Cimed Racing) não conseguiu acompanhar o ritmo dos quatro primeiros mas ainda assim garantiu o quinto lugar, seguido por Ricardo Mauricio (Eurofarma RC), que fechou o top-6 na capital do Mato Grosso do Sul, e viu pelo retrovisor os outros dois carros do time comandado por Rosinei Campos, com Max Wilson em sétimo e Daniel Serra em oitavo.

CORRIDA 1 - STOCK CAR - 6ª ETAPA - CAMPO GRANDE-MS

 

Na corrida 2, com o grid invertido, o décimo colocado da corrida 1, que foi Marcos Gomes (KTF Sports), largou em primeiro, mas o campeão de 2015 não conseguiu manter-se na liderança após o pit-stop obrigatório.

E quem apareceu com vigor para vencer pela terceira vez em uma corrida 2 na temporada foi Rubens Barrichello, que não conseguiu uma volta boa em sua classificação no sábado, fez uma prova 1 consistente e subiu ao degrau mais alto do pódio, mantendo-se bem na disputa do campeonato, que ainda tem Daniel Serra como líder. 

Barrichello contou com uma estratégia perfeita do time comandado por Mauricio Ferreira e na pista fez seu papel de forma impecável, ganhando posições de maneira precisa e mantendo a tranquilidade contra um adversário que mostrava igual apetite pelo triunfo, Ricardo Mauricio.

Menos de um segundo atrás, Ricardo Mauricio (Eurofarma RC) recebeu a bandeira quadriculada na segunda colocação, enquanto Gabriel Casagrande (Crown Racing) foi o terceiro. Felipe Fraga (Cimed Racing) foi o quarto, Daniel Serra (Eurofarma RC) terminou em quinto e Guga Lima (Vogel Motorsport) foi o sexto.

“Foi um dia muito especial. Depois de ter começado um sábado não tão bom, classificando lá atrás, a estratégia das corridas deu certo. Estou realmente muito feliz e encarando com uma expectativa muito positiva a etapa de Interlagos”, disse Barrichello, referindo-se à próxima etapa, dia 25 de agosto no circuito paulistano na Corrida do Milhão.

Rubens Barrichello foi perfeito na corrida 2 em Campo Grande. Foto: Duda Bairros/Vicar

 

CORRIDA 2 - STOCK CAR - 6ª ETAPA - CAMPO GRANDE-MS

PRÓXIMA ETAPA

Em duas semanas, no último domingo deste mês, dia 25 de agosto, acontece a mais esperada das corridas do calendário da Stock, a Corrida do Milhão, que será disputada em bateria única no Autódromo José Carlos Pace, em Interlagos, que receberá a prova pela sexta vez. 

Desde 2008 foram disputadas dez edições da Corrida do Milhão (em 2009 ela não foi realizada). Thiago Camilo é o maior vencedor, com três (2011, 2012 e 2015). Rubens Barrichello venceu duas vezes (2014 e 2018). Com uma vitória: Valdeno Brito (2008); Ricardo Mauricio (2010); Ricardo Zonta (2013); Felipe Fraga (2016) e Daniel Serra (2017).

CLASSIFICAÇÃO DO CAMPEONATO APÓS SEIS ETAPAS (10 PRIMEIROS COLOCADOS)

1 - Daniel Serra - 190 (uma vitória)
2 - Ricardo Maurício - 175 (duas vitórias)
3 - Júlio Campos - 169 (uma vitória) - uma pole
4 - Rubens Barrichello - 168 (três vitórias)
5 - Thiago Camilo - 166 (quatro vitórias) - cinco poles
6 - Felipe Fraga - 128
7 - Max Wilson - 122
8 - Cacá Bueno - 110
9 - Marcos Gomes - 102
10 - Gabriel Casagrande - 99



  

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR A HOME DE AUTOMOBILISMO DO PORTAL TERCEIRO TEMPO 

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR O CANAL DO BELLA MACCCHINA NO YOU TUBE

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR TODAS AS COLUNAS DE MARCOS JÚNIOR MICHELETTI

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    58
  • 2 Pal
    50
  • 3 San
    48
  • 4 Cor
    43
  • 5 São
    43
  • Veja tabela completa