Espanhol levou a Ferrari ao topo do pódio em Silverstone. Foto: Scuderia Ferrari

Espanhol levou a Ferrari ao topo do pódio em Silverstone. Foto: Scuderia Ferrari

O espanhol Carlos Sainz Jr., da Ferrari, venceu neste domingo (3) o GP da Grã-Bretanha de Fórmula 1, décima etapa do campeonato, prova marcada por um forte acidente na primeira volta, com Guanyu Zhou e Alex Albon.

Foi o primeiro triunfo de Sainz na Fórmula 1, piloto que está com 27 anos, exatamente em seu GP 150, em um fim de semana memorável para ele, que largou na pole e enfrentou a concorrência de Charles Leclerc, seu companheiro de equipe, que terminou em quarto, sendo superado no final por um impressionante Lewis Hamilton, da Mercedes, que foi o terceiro colocado e ainda fez a melhor volta da prova, mostrando que o W13, com novas soluções aerodinâmicas, tornou-se um carro competitivo, sem apresentar os quiques observados ao longo das nove etapas anteriores.

Sergio Pérez, da Red Bull, que teve um início de prova problemático, precisando trocar a asa dianteira, se recuperou e recebeu a bandeira quadriculada em segundo lugar.

Verstappen, com problemas em sua Red Bull, ainda conseguu angariar alguns pontos, em sétimo, e segue na liderança do campeonato, com 181 pontos. Pérez, o segundo, soma 129. Leclerc, com 126, está em terceiro. 

PRÓXIMA ETAPA

Em uma semana, dia 10 de julho, acontece a 11ª etapa do campeonato, o GP da Áustria, em Spielberg, no Red Bull Ring. No ano passado a pole foi de Max Verstappen, em 1min03s720. Ele mesmo venceu a corrida, seguido por Valtteri Bottas e Lando Norris.

 

ACIDENTE NA LARGADA

Na freada da curva 3 um forte acidente obrigou a organização decretar bandeira vermelha, quando o chinês Guanyu Zhou (Alfa Romeo) foi tocado pela Mercedes de George Russell, capotou e ultrapassou a barreira de pneus, batendo com violência na tela de proteção. As informações iniciais deram conta de que ele estava bem. Vale ressaltar que Russell também foi tocado, por Gasly, o que intensificou o choque com a Alfa Romeo de Zhou. Alex Albon também bateu violentamente no muro e precisou de atendimento médico em um hospital, sendo removido de helicóptero após passar pelo centro médico. Zhou foi liberado sem precisar deixar o autódromo.

No pelotão da frente, Sainz, o pole, perdeu o primeiro lugar para Verstappen, que tracionou muito melhor que o espanhol.   

NOVA LARGADA, UMA HORA DEPOIS

A interrupção foi longa e a nova largada aconteceu uma hoa depois, ao meio-dia. Desta vez, Sainz foi bastante agressivo e manteve-se na ponta, seguido por Verstappen, Leclerc, Pérez, Norris e Hamilton.

As primeiras curvas vencidas pelo pelotão da frente na primeira volta foram insinuantes, com muitos carros lado a lado. Em termos de progresso, quem ganhu posição foi Norris, que ultrapassou Hamilton.  

Pérez, com um dano no aerofólio dianteiro, foi para os boxes, após toque com Leclerc, que também teve uma avaria na parte direita de sua asa dianteira. Na volta 6, com a asa móvel liberada, Hamilton superou Norris, ganhando o quarto lugar.

Pressionado por Verstappen, Sainz errou, foi para a área de escape e perdeu a posição para o campeão mundial, que tomou a liderança na volta 10.

Os seis primeiros na volta 10: Verstappen, Sainz, Leclerc, Hamilton , Norris e Alonso.

Na volta 12, com um problema em sua Red Bull, na carenagem, Verstappen foi superado por Sainz e Leclerc e foi para os boxes. Ele teve uma parcial sorte, pois estava próximo da entrada do pit-lane. Max retornou em sexto. No seu retorno para a pista, começou a se queixar de um problema na Red Bull. A perda de performance pareceu clara nas voltas seguintes.

Na volta 21, Sainz foi para sua troca de pneus e voltou em terceiro. Leclerc e Hamilton passaram para as duas primeiras posições.

Leclerc nos boxes na volta 25 e Hamilton assumiu a ponta, feito inédito na temporada. Leclerc voltou em terceiro, atrás de Sainz. 

Em ritmo forte, Leclerc encostou em Sainz na disputa pelo segundo lugar. Hamilton seguindo na pista, em primeiro, sem trocar pneus.

Na volta 31, claramente reduzindo o ritmo, Sainz abriu para Leclerc subir para o segundo lugar.  

Hamilton parou na volta 34 e colocou pneus duros. Ele voltou em terceiro.

Os seis primeiros na volta 40, restando 12 para o final: Leclerc, Sainz, Hamilton, 

Problema com a Alpine de Ocon, que havia ultrapassado Verstappen. Seu carro, parado na reta, provocou a entrada do safety-car. Sainz e Hamilton foram aos boxes para nova troca de pneus para colocarem pneus macios.

PISTA LIBERADA

O safety-car deixou a pista n volta 43 e a disputa pela vitória foi protagonizada por Leclerc, Sainz e Hamilton.

Sainz tomou a liderança de Leclerc e Pérez ganhou o terceiro lugar de Hamilton. 

Em tentativa aguda de Pérez para tomar a segunda posição de Leclerc, Hamilton se aproveitou e ultrapassou os dois, mas depois novamente caiu para quarto lugar, superado pelos dois.

Hamilton, de pneus macios, conseguiu ultrapassar Leclerc, de pneus duros, e subiu para terceiro, enquanto Sainz caminhava para sua primeira vitória na F1, o que se concretizou, sem ser ameaçado nas voltas finais por Pérez.

CALENDÁRIO COMPLETO DO MUNDIAL DE FÓRMULA 1 EM 2022

ETAPAS REALIZADAS

1ª - 20/03/2022 – GP do Bahrein – Sakhir – Pole de Charles Leclerc (1min30s558) - Vitória de Charles Leclerc
2ª - 27/03/2022 – GP da Arábia Saudita – Jedá – Pole de Sergio Pérez (1min28s200) - Vitória de Max Verstappen
3ª - 10/04/2022 – GP da Austrália – Melbourne – Pole de Charles Leclerc (1min17s868) - Vitória de Charles Leclerc
4ª - 24/04/2022 – GP da Emília-Romanha – Ímola – Pole de Max Verstappen (vencedor da Sprint) - Vitória de Max Verstappen
5ª - 08/05/2022 – GP de Miami – Miami (EUA) – Pole de Charles Leclerc (1min28s796) - Vitória de Max Verstappen
6ª - 22/05/2022 – GP da Espanha – Barcelona – Pole de Charles Leclerc (1min18s750) - Vitória de Max Verstappen
7ª - 29/05/2022 – GP de Mônaco – Monte Carlo – Pole de Charles Leclerc (1min11s376) - Vitória de Sergio Pérez
8ª - 12/06/2022 – GP do Azerbaijão – Baku – Pole de Charles Leclerc (1min41s359) - Vitória de Max Verstappen
9ª - 19/06/2022 – GP do Canadá – Montreal – Pole de Max Verstappen (1min21s299) - Vitória de Max Verstappen
10ª -03/07/2022 – GP da Grã-Bretanha – Silverstone – Pole de Carlos Sainz (1min40s983) - Vitória de Carlos Sainz

ETAPAS RESTANTES

11ª -10/07/2022 – GP da Áustria – Red Bull Ring / Spielberg –
12ª -24/07/2022 – GP da França – Paul Ricard –
13ª -31/07/2022 – GP da Hungria – Hungaroring / Budapeste –
14ª -28/08/2022 – GP da Bélgica – Spa-Francorchamps –
15ª -04/09/2022 – GP da Holanda – Zandvoort –
16ª -11/09/2022 – GP da Itália – Monza –
17ª -02/10/2022 – GP de Singapura – Marina Bay –
18ª -09/10/2022 – GP do Japão – Suzuka – Horários
19ª -23/10/2022 – GP dos EUA – COTA / Austin –
20ª -30/10/2022 – GP do México – Cidade do México –
21ª -13/11/2022 – GP de São Paulo – Interlagos / Brasil –
22ª -20/11/2022 – GP de Abu Dhabi – Yas Marina –

 

  

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR A HOME DE AUTOMOBILISMO DO PORTAL TERCEIRO TEMPO 

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR O CANAL DO BELLA MACCCHINA NO YOU TUBE

 

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa