Sua passagem pelo futebol português foi marcante, com dois títulos nacionais. Foto: Divulgação

Sua passagem pelo futebol português foi marcante, com dois títulos nacionais. Foto: Divulgação

Doriva, ex-volante do São Paulo, Atlético Mineiro, Porto e Sampdoria, entre outros, completa 50 anos neste sábado, 28 de maio de 1972.

Para celebrarmos esta data especial, selecionamos um vídeo que encontramos com dez gols que ele marcou, tanto atuando no futebol brasileiro como na Europa. 

Paulista do município de Nhandeara, na região de Votuporanga, Dorival Guidoni Júnior, o Doriva, começou sua carreira pelo São Paulo, clube pelo qual conquistou váios títulos, com destaque para o Brasileiro de 1991, a Libertadores de 1993 e o Mundial de Clubes, também em 1993.

Antes de atuar no futebol europeu, também foi campeão pelo Atlético Mineiro, na Conmebol de 1997.

Em Portugal, pelo Porto, ganhou por duas vezes o Campeonato Português, nos biênios 1997-98 e 1998-99.

Na Inglaterra, pelo Middlesbrough foi campeão da Liga Inglesa em 2004. Ainda na Inglaterra, defendeu o Blackpool.

Também jogou na equipe italiana da Sampdoria e na espanhola do Celta de Vigo.

Com 14 jogos disputados pela Seleção Brasileira, Doriva esteve presente na Copa de 1998, disputada na França.

Em seu retorno ao Brasil, Doriva jogou pelo América de Rio Preto e Mirassol, este seu último clube, em 2007, para em seguida engatar uma carreira como treinador de futebol, vivendo sua melhor fase entre 2014 e 2015, no primeiro ano como campeão paulista comandando o Ituano e, no segundo, na conquista do Campeonato Carioca pelo Vasco.

Seu último trabalho foi como auxiliar técnico do Corinthians entre maio de 2021 e 2022, trabalhando com Sylvinho. 

ABAIXO, VÍDEO COM DEZ GOLS DE DORIVA, QUE ENCONTRAMOS NO YOUTUBE NO CANAL "CICEROSSAURO"

  


Da esquerda para a direita, em pé: Taffarel, Edgar, Luís Eduardo, Roberto, Juninho Rodrigues e Márcio Santos. Agachados: Nilo, Doriva, Euller, Marquinhos e Leandro Tavares. Foto enviada por Gilvannewton

 

Da esquerda para a direita, em pé: Taffarel, Edgar, Luís Eduardo, Roberto, Juninho Rodrigues e Márcio Santos. Agachados: Nilo, Doriva, Euller, Marquinhos e Leandro Tavares. Foto enviada por Gilvannewton

 

Da esquerda para a direita, em pé: Taffarel, Paulo Roberto Costa, Paulão, Ronaldo, Daniel Franco e Clayton. Agachados: Euller, Doriva, Canela, Silva e Renaldo. Foto enviada por Gilvannewton

 

Da esquerda para a direita, em pé: Paulo Roberto Costa, Edgar, Paulão, Ademir, e Taffarel. Agachados: Éder Lopes, Renaldo, Canela, Doriva, Clayton e Euller. Foto enviada por Gilvannewton

 

Em pé, da esquerda para a direita, Taffarel, Paulo Roberto Costa, Ademir, Dinho, Ronaldo Guiaro e Éder Lopes. Agachados, da esquerda para a direita, Doriva, Júlio César, Renaldo, Euller e Clayton. Foto: Carlos Diniz

 

Em pé, da esquerda para a direita, Paulo Roberto, Edgar, Paulão, Ademir e Taffarel. Agachados, da esquerda para a direita, Lopes, Renaldo, Kanela, Doriva, Clayton e Euller. Foto: Carlos Diniz

 

Na equipe do São Paulo que conquistou o Torneio de Santiago de Compostela, na Espanha, duas promessas despontavam: Doriva, fazendo o sinal de positivo, e Guilherme, mostrando dois dedos em sinal de vitória. Foto: Kalef João Francisco

 

Na primeira fileira, de pé, da esquerda para a direita: o terceiro é Dinho, seguido por Gilberto, Pintado, segurando a taça está Ronaldão, seguido por Kalef e Rogério Ceni. Na Segunda fileira, quase agachados, estão: o quarto é Guilherme, seguido por Doriva e Juninho Paulista. Sentados, na terceira fileira, da esquerda para a direita, estão: Catê, Jameli, Mona, Toninho Cerezo e Gilmar. Foto: Kalef João Francisco

 

O ex-volante trabalha nos bastidores do clube. Foto: Site Oficial

 

Em pé, da esquerda para a direita: Taffarel, Sandro Barbosa, Sandro Blum, Hernani, Bruno e Edgar. Agachados, da esquerda para a direita: Dedê, Valdir, Jorginho, Marques e Doriva. Foto: ReproduçãoEspecial Show de Bola

 

Em pé: Euller. Rogerio Ceni, Juninho, Guihlerme, Zetti, Valber, Jamelli, André Luis, Doriva e Júnior Baiano. Agachados: Gilmar, Caio, Axel, Cafu, Vitor e Leonardo

 

Que timaço do Tricolor. Em pé: Moracy Santanna (preparador físico), Zetti, Ronaldão, Leonardo, Dinho, Cafu e Toninho Cerezo. Abaixados: Doriva, Válber, Palhinha, André Luiz e Müller.

 

Campeão do Centenário de Belo Horizonte e da Copa Conmebol. De pé: Valdir, Dedê, Sandro, Luís Eduardo, Dedimar e Paulo César Borges; Jorginho, Bruno, Doriva, Marques, Leandro e Valmir (preparador físico)

 

Doriva ao lado da esposa Marcia e dos filhos Melissa, Marcel e Diego

 

Entre 97 e 99, Doriva fez 30 partidas pelo time da "terrinha"

 

Doriva disputou a Copa de 98, na França, e entrou em apenas uma partida. Ao todo pela seleção, foram 14 jogos: 11 vitórias, 2 empates e uma derrota

 

Doriva é ídolo do Middelsbrough

 

Em pé: Zetti, Dinho, Ronaldão, Cafu, Leonardo e Toninho Cerezo. Agachados: Muller, Doriva, Válber, Palhinha, André. O Tricolor bateu o Milan, futuro time de Leonardo, por 3 a 2

 

Confira Doriva em foto do dia 5 de setembro de 1994, no jantar que deveria comemorar o tricampeonato da Libertadores. Só esqueceram de avisar o Velez Sarsfield e o goleiro Chilavert

 

Dois momentos de Doriva

 

Doriva e Luis Carlos Quartarollo em março de 2018

 

Em janeiro de 2016, treinador do Bahia. Foto: José Souza/Agência A Tarde/UOL

 

Doriva durante sua curta passagem como técnico do São Paulo, em outubro de 2015. Foto: UOL

 

Carlos Miguel Aidar e Doriva, durante apresentação do técnico no São Paulo, no dia 8 de outubro de 2015. Foto: UOL

 

Edvaldo Tietz e Doriva em 21 de setembro de 2013, em Araraquara. Foto enviada por Fabricio Tietz, filho de Edvaldo Tietz

 

No Vasco, onde permaneceu entre 14 de dezembro de 2014 e 22 de junho de 2015. Foto: UOL

 

Em 14 de dezembro de 2014 foi anunciado como técnico do Vasco. Foto: UOL

 

Dois momentos do ex-volante Doriva

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa