O Imortal tem uma legião de torcedores apaixonados

O Imortal tem uma legião de torcedores apaixonados

Hoje, 15 de setembro, o Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense, comemora 117 anos de existência.

O atual hino do clube, de 1953, é de autoria de um dos mais importantes compositores da música popular brasileira, o gaúcho de Porto Alegre Lupcínio Rodrigues (1914-1974).

A primeira estrofe da composição de Lupcínio convida os torcedores para que acompanhem o Grêmio, onde ele estiver.

Até a pé nos iremos
Para o que der e vier
Mas o certo é que nós estaremos
Com o Grêmio, onde o Grêmio estiver

O hino gremista, aliás, tem uma peculiaridade. Lara, histórico goleiro que marcou época no clube entre as décadas de 1920 e 1930, é mencionado na penúltima estrofe:

Lara o craque imortal
Soube seu nome elevar
Hoje com o mesmo ideal
Nós saberemos te honrar

Em que pese a campanha irregular no Campeonato Brasileiro, ocupando apenas a 12ª posição, com 12 pontos, o grupo comandado por Renato Portaluppi está concentrado para o próximo confronto, nesta quarta-feira (16) diante da Universidad Católica no Chile, na retomada da Copa Libertadores da América. No certame, o Tricolor Gaúcho ocupa a vice-liderança do Grupo E, com os mesmos quatro pontos do rival Internacional, que está em primeiro.

ABAIXO, O ÁUDIO COM O HINO OFICIAL DO GRÊMIO

Outros músicos, conhecidos do grande público, são torcedores fanáticos do Imortal, que hoje conta com sua moderna Arena, que substituiu o Estádio Olímpico.

Entre eles está Kleiton Ramil, que diferente do irmão Kledir, com quem faz dupla desde 1979, costuma cantar o hino gremista nos shows, normalmente em resposta ao colorado Kledir, dividindo as plateias pelos shows que fazem por todo o Brasil. Kleiton é Cônsul de Honra do Grêmio desde 31 de dezembro de 2010.

Kleiton, da dupla Kleiton & Kledir, é Cônsul de Honra do Grêmio desde dezembro de 2010. Foto: arquivo pessoal de Kleiton Ramil

Outro da família Ramil, Vitor, o irmão mais novo da dupla Kleiton & Kledir, também cantor e compositor, é gremista e gravou o hino do clube em 1996, para uma edição especial da Revista Placar, em um CD recheado de outras novas versões para hinos de clubes brasileiros.

ABAIXO, A VERSÃO DE VITOR RAMIL PARA O HINO DO GRÊMIO

O exímio músico Renato Borghetti é mais um apaixonado pelo Tricolor Gaúcho. Borghetti, que notabilizou-se como um virtuose na gaita ponto, costuma acompanhar o time de coração. Aliás, Borghetti estará nesta terça-feira (15) em na live comemorativa ao aniversário do clube, ao lado da Banda Vera Loca e Vitor Kley pela Grêmio TV e outras plataformas. Clique aqui e veja a programação completa sobre a comemoração do aniversário do Grêmio.

Outro gremista famoso é Humberto Gessinger, que ficou conhecido nacionalmente a partir da banda Engenheiros do Hawaii, fundada em 1985 e hoje tem uma sólida carreira solo.

Gessinger levou sua filha Clara muitas vezes ao Olímpico e à moderna Arena do Grêmio para acompanhar seu time. Não raramente aparece em público com a camisa do clube gaúcho, duas vezes campeão brasileiro (1981 e 1986), tricampeão da Libertadores (1983 1995 e 2017) e Mundial (1983), entre outras conquistas.

O cantor e compostor Humberto Gessinger e sua filha Clara, no Estádio Olímpico, antiga casa gremista. Foto: Divulgação

O jornalista e escritor Eduardo Bueno, o Peninha, é outro fanático pelo Imortal. Já se envolveu em algumas polêmicas defendendo seu clube de coração contra outros clubes brasileiros. Em 2005 lançou o livro "Grêmio - Nada Pode Ser Maior".

Eduardo Bueno, o Peninha, um dos mais fervorosos e polêmicos torcedores do Grêmio. Foto: Divulgação

 

Falando em Peninha, abaixo, áudio da entrevista de Peninha a Milton Neves em 3 de setembro de 2017, durante o "Domingo Esportivo" da Rádio Bandeirantes.

Muitas mulheres do mundo do entretenimento também são apaixonadas pelo Grêmio, entre elas a modelo internacional Gisele Bündchen, as apresentadoras Fernanda Lima e Ana Hickmann, a ex-panicat Dani Bolina e a atriz Sharon Menezes.

A apresentadora Ana Hickmann com o filho Alexandre, gremista desde pequeno. Foto: Divulgação

 

E, claro, Renato Portaluppi, ídolo como jogador e atual treinador do Tricolor também não deixa de demonstrar sua paixão pelo clube, da mesma forma que sua filha, Carol Portaluppi, que já comemorou muitas vitórias do seu time no gramado.

Carol Portaluppi e o pai, Renato Portaluppi, atual treinador gremista. Foto: Divulgação

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa