Equipe carioca buscou empate no final. Foto: Divulgação

Equipe carioca buscou empate no final. Foto: Divulgação

O técnico Luís Castro, do Botafogo, considerou justo o empate em 1 a 1 diante do América Mineiro no último sábado (21), jogo disputado no Independência.

A equipe mineira abriu o placar com Aloisio, aos 39 minutos da primeira etapa, e Erison igualou o marcador aos 40 minutos do segundo tempo.

"O primeiro tempo foi totalmente dominado pelo América, tivemos grandes dificuldades de lançar pressão sobre a linha de saída deles. Eles conseguiram descobrir muitos espaços no interior da nossa equipe e nos criaram muitas dificuldades. Foram 11 finalizações para o América e uma para nós. No segundo tempo, conseguimos sete. E conseguimos fazer aquilo que é extremamente complicado de fazer numa equipe de futebol: resgatar a equipe de um mau jogo e colocá-la no caminho. A equipe, graças à determinação, à ambição e à qualidade deles, resgatou a si própria, conseguiu sete finalizações contra uma. Portanto, o mal que sofremos no primeiro tempo sofreu o América no segundo. Para mim, o resultado é justo. Trabalhamos muito, mas não posso esquecer o primeiro tempo do América. Ganhar o jogo seria uma injustiça com o América", avaliou Castro.

A equipe carioca volta a campo pelo Campeonato Brasileiro no próximo domingo (29), ocasião em que enfrenta o Coritiba no Couto Pereira.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa