O Timão trocou Sylvinho pelo português Vítor Pereira. Foto: Rodrigo Coca/Ag Corinthians

O Timão trocou Sylvinho pelo português Vítor Pereira. Foto: Rodrigo Coca/Ag Corinthians

A rotina de troca de técnicos do futebol brasileiro segue a todo vapor e com apenas dois meses de temporada, a dança das cadeira já atingiu quase metade dos clubes da Série A do Campeonato Brasileiro.

Das 20 equipes que disputarão a primeira divisão nacional, oito já mudaram seus treinadores. O mais recente foi o Ceará, que demitiu Tiago Nunes na última semana e ainda não definiu o próximo comandante.

Além do Vozão, o Atlético-GO trocou Marcelo cabo por Umberto Louzer; o Avaí demitiu Claudinei Oliveira e contratou Eduardo Barroca; o Botafogo dispensou Enderson Moreira e buscou Luís Castro; o Corinthians trocou Sylvinho por Vítor Pereira; o Goiás contratou Bruno Pivetti para o lugar de Glauber Ramos; o Juventude trocou Jair ventura por Eduardo Baptista; e o Santos demitiu Fábio Carille e contratou Fabián Bustos.

Das oito trocar, três foram de treinadores brasileiros por profissionais estrangeiro: Luís Castro (português) no Botafogo, Vítor Pereira (português) no Corinthians e Fabián Bustos (argentino) no Santos.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa