A exemplo da semana passada, equipe alemã foi a melhor na pista catalã. Foto: Mercedes-AMG F1

A exemplo da semana passada, equipe alemã foi a melhor na pista catalã. Foto: Mercedes-AMG F1

Mesmo sem superar sua melhor marca até agora, Valtteri Botttas repetiu o feito da semana passada e encerrou na primeira colocação os testes da pré-temporada da Fórmula 1 em Barcelona.

Na tarde desta sexta-feira (28), depois da Renault de Daniel Ricciardo ter ponteado pela manhã, Bottas assumiu o comando do carro da Mercedes, o W11, para fazer 1min16s196.

Quem também demonstrou apetite no período vespertino foi o holandês Max Vertappen. Ele assumiu o carro da Red Bull para 45 voltas e fez a melhor delas a apenas 0s073 de Bottas, dando indício de que o time austríaco estará brigando por poles e vitórias com seu motor Honda.

Com sua marca matutina, Daniel Ricciardo (Renault) finalizou o combinado das sessões na terceira colocação, a 0s080 do líder.

Charles Leclerc veio a seguir, em quarto. O monegasco da Ferrari cumpriu um dia inteiro de treinos e fez sua melhor volta a 0s164 de Bottas. Leclerc, aliás, foi o piloto com mais giros pela pista catalã, totalizando 181.

Lewis Hamilton, que ontem teve problemas com a Mercedes e deu apenas 14 voltas, hoje treinou pela manhã e ficou com a quinta marca, seguido pelo francês Esteban Ocon, comprovando que a boa performance de Ricciardo com a Renault não foi obra do acaso.

CONFIABILIDADE

Sem mudanças no regulamento do ano passado para este (a grande mudança será em 2021), as equipes apostaram em evoluções dos carros. A Williams provavelmente foi a equipe que precisou trabalhar mais, uma vez que sua máquina de 2019 foi a pior. O time fechou a temporada em último com apenas um ponto. E, para a alegria da chefe Claire Williams, o FW43 parece ter nascido bem.

Exceto por uma falha ou outra, incluindo uma pane de motor na Mercedes de Hamilton na última quinta-feira (27) e o começo claudicante da Ferrari, na primeira semana, as equipes conseguiram completar muitas voltas no traçado de Barcelona, indicando que deverá ser uma temporada sem muitos problemas mecânicos. 

Assim, confiabilidade foi a palavra chave que acabou como tônica destes seis dias de testes da pré-temporada. 

Mercedes foi a equipe que mais andou em Barcelona nesta pré-temporada e Bottas acabou com o melhor tempo dos seis dias de ensaios, com 1min15s732. Nesta sexta-feira ele também liderou, com 1min16s196. Foto: Mercedes-AMG F1

AGORA, SÓ NA AUSTRÁLIA

As equipes terão duas semanas até o primeiro treino livre em Melbourne, dia 13 de março, no fim de semana que marca a abertura do campeoonato, o GP da Austrália (15/03), no circuito de Albert Park.

No ano passado a Mercedes dominou. Hamilton fez a pole em 1min20s486 mas a vitória foi de Bottas, comandando a dupla do time da estrela de três pontas, com Hamilton em segundo. Verstappen, que estreava o motor Honda na Red Bull, completou o pódio, em terceiro.

PRÉ-TEMPORADA DA F1 (BARCELONA) - DIA 6 - (COMBINADO - MANHÃ E TARDE)

 



   

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR A HOME DE AUTOMOBILISMO DO PORTAL TERCEIRO TEMPO 

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR O CANAL DO BELLA MACCCHINA NO YOU TUBE

 

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    90
  • 2 San
    71
  • 3 Pal
    71
  • 4 Grê
    65
  • 5 Ath
    63
  • Veja tabela completa