Finlandês melhorou sua performance para superar o britânico. Foto: Mercedes-AMG Petronas F1

Finlandês melhorou sua performance para superar o britânico. Foto: Mercedes-AMG Petronas F1

O finlandês Valtteri Bottas venceu o duelo particular com George Russell e ficou com a pole para o GP de Sakhir, prova que será disputada pelo anel externo do traçado do Bahrein, que na semana passada viu Lewis Hamilton vencer a prova. Foi a 16ª pole de Bottas na Fórmula 1, quinta na temporada.

Mesmo com Hamilton fora da disputa, por ter sido diagnosticado com o novo coronavírus, a Mercedes conseguiu manter sua rotina na temporada e parte com seus dois carros da primeira fila, com Bottas em primeiro e Russell em segundo, separados por apenas 0s026.

Max Verstappen, que liderou o útlimo treino livre neste sábado (5), não conseguiu nada melhor que o terceiro lugar com sua Red Bull, a 0s056 da marca de Bottas. Quem surpreendeu foi Charles Leclerc. O monegasco encerra a segunda fila ao lado de Vertappen, em quarto lugar.

O mexicano Sergio Pérez, sem cockpit para a próxima temporada, pelo menos por enquanto, parte da quinta posição com a Racing Point. Ao seu lado, em sexto, estará o russo Daniil Kvyat, com a Alpha Tauri.

PUNIDO, FITTIPALDI LARGA EM ÚLTIMO. MAS AJUDOU MAGNUSSEN

Pietro Fittipaldi, que faz sua estreia na Fórmula 1, parte da última posição. Ele ficou em 20º na classificação, e mesmo que conseguisse uma marca melhor, esta seria sua posição de partida para a corrida, uma vez que a Haas precisou fazer trocas no motor Ferrari e ele já havia recebido punição por essas modificações.

Vale lembrar que Pietro, sabendo que não poderia ter uma posição melhor no grid, ajudou bastante seu companheiro de equipe Kevin Magnussen, abrindo caminho para o dinamarquês aproveitar-se do vácuo de seu carro. Com isso, Magnussen conseguiu o 16º posto no grid.

“Eu adoro fazer a classificação, sair com o pneu novo e com o carro no melhor desempenho possível. A equipe fez uma estratégia do meu carro dar o vácuo para o Kevin (Magnussen) no meu segundo e terceiro jogos de pneus. Era o certo a se fazer já que independente do tempo que eu registrasse a gente largaria em último por conta das punições. Estou aqui para fazer o melhor trabalho para a equipe, eu tentei ajudar o Kevin a passar para o Q2 e ficamos muito perto disso. Em todo caso, ótimo fazer minha primeira classificação na F1. Agora quero seguir bastante focado para a corrida amanhã", comentou Pietro.

Pietro Fittipaldi e Günther Steiner (chefe da Haas), no Bahrein. Foto: Haas F1 Team/RF1

COMO FOI A CLASSIFICAÇÃO

Q1

Na primeira fase da classificação, o chamado Q1, os carros da Haas foram os primeiros a percorrerem os 3.543 metros do anel externos da pista barenita. Pietro Fittipaldi assinalou a primeira volta cronometrada em 55s884 e Kevin Magnussen foi mais rápido, em seguida, com 55s464.

A disputa pela liderança ficou mesmo entre Verstappen e Bottas. O holandês liderou boa parte do Q1 mas Bottas assumiu a ponta no final, com 53s904, melhor marca até então no fim de semana, com Max em segundo e Russel em terceiro.

Foram eliminados: Magnussen (Haas), Latifi (Williams), Atiken (Williams), Raikkonen (Alfa Romeo) e Fittipaldi (Haas).

Q2

A segunda parte da classificação começou com uma McLaren e uma Ferrari abrindo as primeiras voltas, Sainz e Leclerc, respectivamente.

Mas foi Pérez o primeiro a estabelecer uma marca consistente, com 53s787, seguido de perto por Bottas (a 0s016) e Russel (a 0s032).

No final, em sua última tentativa, Verstappen pulou para a dianteira, com 53s647.

Foram eliminados: Ocon, Albon, Vettel, Giovinazzi e Norris.

Q3, A LUTA PELA POLE

Na fase final da classificação, todas as atenções voltadas para Verstappen e os dois carros da Mercedes, mas tendo Pérez, Sainz e Leclerc como "zebras" em busca da pole.

Após uma primeira jornada de voltas, Verstappen ficou na liderança, seguido por Leclerc, Bottas, Pérez e Russel.

Em seguida, com todos parando para calçarem seus carros com novos pneus, Bottas tomou a liderança, com 53s377, seguido por Russel, a 0s142, e Verstappen em terceiro, a 0s214.

A última tentativa dos dez pilotos na pista aconteceu a três minutos para o término da sessão, e Russell melhorou sua marca, mas não o suficiente para superar Bottas, ficando a 0s026 do finlandês. Verstappen também fez um giro mais rápido, mas não suficiente para algo melhor que o terceiro lugar, a 0s056 de Bottas. Leclerc conseguiu um bom quarto lugar para garantir-se na segunda fila.

PROGRAMAÇÃO RESTANTE PARA O GP DE SAKHIR -  HORÁRIOS DE BRASÍLIA

DOMINGO (6) 

Largada para o GP - 14h10 - 87 voltas pelo traçado de 3.543 metros.

CALENDÁRIO COMPLETO DA TEMPORADA DE 2020 DA F1:

1ª etapa: 5 de julho – GP da Áustria (Spielberg) - Vitória de Valtteri Bottas (Mercedes) - Pole de Bottas (1min02s939)
2ª etapa: 12 de julho – GP da Estíria (Spielberg) - Vitória de Lewis Hamilton (Mercedes) - Pole de Hamilton (1min19s273)
3ª etapa: 19 de julho – GP da Hungria (Hungaroring) - Vitória de Lewis Hamilton (Mercedes) - Pole de Hamilton (1min13s447)
4ª etapa: 2 de agosto – GP da Grã-Bretanha (Silverstone) - Vitória de Lewis Hamilton (Mercedes) - Pole de Hamilton (1min24s303)
5ª etapa: 9 de agosto – GP do Aniversário de 70 anos da Fórmula 1 (Silverstone) - Vitória de Max Verstappen (Red Bull-Honda) - Pole de Bottas (1min25s154)
6ª etapa: 16 de agosto – GP da Espanha (Barcelona) - Vitória de Lewis Hamilton (Mercedes) Pole de Hamilton (1min15s584)
7ª etapa: 30 de agosto – GP da Bélgica (Spa-Francorchamps) - Vitória de Lewis Hamilton (Mercedes) - Pole de Hamilton (1min41s252)
8ª etapa: 6 de setembro – GP da Itália (Monza) - Vitória de Pierre Gasly (Alpha Tauri-Honda) - Pole de Hamilton (1min18s887)
9ª etapa: 13 de setembro - GP da Toscana (Mugello) - Vitória de Lewis Hamilton (Mercedes) - Pole de Hamilton (1min15s144)
10ª etapa: 27 de setembro - GP da Rússia (Sochi) - Vitória de Valtteri Bottas (Mercedes) - Pole de Hamilton (1min31s304)
11ª etapa: 11 de outubro - GP do Eifel (Alemanha, em Nurburgring) - Vitória de Lewis Hamilton (Mercedes) - Pole de Bottas (1min25s269)
12ª etapa: 25 de outubro - GP de Portugal (Portimão) - Vitória de Lewis Hamilton (Mercedes) - Pole de Hamilton (1min16s652)
13ª etapa: 1º de novembro - GP da Emilia Romagna (Imola) - Vitória de Lewis Hamilton (Mercedes) - Pole de Valtteri Bottas (1min13s609)

14ª etapa: 15 de novembro - GP da Turquia (Istambul) - Vitória de Lewis Hamilton (Mercedes) - Pole de Lance Stroll (Racing Point) em 1min47s765
15ª etapa: 29 de novembro - GP do Bahrein (Sakhir) - Vitória de Lewis Hamilton (Mercedes) - Pole de Lewis Hamilton (1min27s264)

PRÓXIMAS ETAPAS:
16ª etapa: 6 de dezembro - GP do Sakhir (Bahrein)
17ª etapa: 13 de dezembro - GP de Abu Dhabi (Yas Marina)


   

 

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR A HOME DE AUTOMOBILISMO DO PORTAL TERCEIRO TEMPO

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR O CANAL DO BELLA MACCCHINA NO YOU TUBE

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa