Jogador foi homenageado pelo São Paulo na despedida. Foto: Frank Fortes

Jogador foi homenageado pelo São Paulo na despedida. Foto: Frank Fortes

O lateral Cicinho, que pendurou as chuteiras nesta terça-feira, em anúncio realizado no estádio do Morumbi, acredita que o São Paulo atual pode vencer o Palmeiras na quinta-feira. “Tenho certeza que o São Paulo vai sair vitorioso", afirmou o agora ex-jogador de 37 anos.

E de clássico Choque-Rei Cicinho entende. Tanto que considera os dois jogos contra o Verdão pelas oitavas de final da Libertadores de 2005 como os principais de sua passagem pelo Tricolor.

“Fiz um gol de perna esquerda em pleno Parque Antárctica no primeiro jogo. E no segundo ainda fiz mais um no finalzinho, que foi o gol 10 mil da história da Libertadores”,lembra. O São Paulo venceu os dois jogos contra o rival e seguiu rumo à terceira conquista da competição continental.

Além do Tri da Libertadores, naquele ano de 2005 Cicinho também levantou a taça do Campeonato Paulista e do tri mundial com o SPFC e a Copa América com a camisa da seleção brasileira.

Cicinho tinha contrato com o Brasiliense, mas rescindiu o vínculo na semana passada. O ex-atleta consultou dois especialistas que lhe aconselharam a abandonar o futebol por conta de problemas na cartilagem do joelho

Na despedida do futebol Cicinho falou com exclusividade ao Portal Terceiro Tempo sobre sua carreira e os desafios que superou neste período, incluindo o vício do alcoolismo, onde o São Paulo teve papel importante para a recuperação do jogador.

Veja a entrevista exclusiva:

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa