Goleiro italiano não permanecerá no PSG. Foto: FRANCK FIFE / AFP

Goleiro italiano não permanecerá no PSG. Foto: FRANCK FIFE / AFP

O PSG, da França, anunciou, recentemente, que o goleiro Buffon não permanecerá no clube e, pouco depois, o Fluminense foi apontado, pelo jornalista italiano Gianluca Di Marzio, como um dos possíveis destinos. Segundo a publicação, a conversa pelo jogador, de 41 anos, teria sido feito por um dos candidatos à presidência do Tricolor - amanhã (7), Mario Bittencourt e Ricardo Tenório disputam o cargo máximo do clube.

O UOL Esporte entrou em contato com as assessorias das duas chapas para confirmar tal convite a Buffon. A explicação foi de que o nome do experiente goleiro italiano surgiu em um encontro, que aconteceu há cerca de um mês, entre Tenório, Celso Barros - vice da chapa de Bittencourt - e uma terceira pessoa, que apresentou um fornecedor de material esportivo e levantou a possibilidade de que Buffon pudesse "entrar no pacote".

Ainda em contato com o UOL Esporte, as duas chapas salientaram que a ideia é, atualmente, acertar o clube financeiramente e que todo projeto precisa ser "bem estudado" e apresentar "bases sólidas".

Relação de Buffon com o Fluminense

Pode não parecer, mas Buffon tem ligação com o Fluminense. Nascido em Carrara, na Itália, o goleiro defendeu clubes como Parma, Juventus e PSG. Além da seleção italiana. E e aí que o Tricolor carioca entra.

Em 2013, a Itália esteve no Brasil para a disputa da Copa das Confederações. Durante a competição, Buffon foi visto na praia com a família e os filhos vestiam a camisa do Fluminense. Desde então, o goleiro afirma que, através da paixão demonstrada por Louis Thomas e David Lee, passou a ser um torcedor do clube.

 
 

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 San
    32
  • 2 Fla
    30
  • 3 Pal
    30
  • 4 Atl
    27
  • 5 São
    27
  • Veja tabela completa