Dirigente afirmou que sua saída está relacionada à saída do vice-presidente de futebol da raposa. Foto: Palmeiras/Divulgação

Dirigente afirmou que sua saída está relacionada à saída do vice-presidente de futebol da raposa. Foto: Palmeiras/Divulgação

Quatro dias depois de anunciar seu retorno, Alexandre Mattos comunicou que está deixando o Cruzeiro. O diretor de futebol, que trabalharia de forma voluntário por cerca de 45 dias antes de se transferir para o Reading, da Inglaterra, decidiu largar o trabalho na raposa após renúncia do vice-presidente do clube, Pedro Lourenço.

Em entrevista ao globoesporte.com, Mattos explicou que sua saída está ligada a saída do vice-presidente celeste.

“Pedrinho que me levou. Não posso atrapalhar quem entrar no lugar dele. Sempre a disposição do Cruzeiro, mas quem me levou saiu. Não posso ficar por princípios, né?!”, afirmou o cartola referindo-se ao Vice-presidente cruzeirense, Pedro Lourenço, que anunciou saída na manhã desta quinta-feira (9), segundo o empresário que inclusive patrocina o clube, comunicou que não fará mais parte do conselho gestor do Cruzeiro.  

Em menos de uma semana no clube, Alexandre Mattos cuidou da venda do zagueiro Fabrício Bruno e adiantou as negociações sobre Orejuela e também as saídas de Henrique, Egídio e Marquinhos Gabriel. Além disso, o cartola buscou o atual diretor de futebol do Cruzeiro, Ocimar Bolicenho.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    90
  • 2 San
    71
  • 3 Pal
    71
  • 4 Grê
    65
  • 5 Ath
    63
  • Veja tabela completa