Abel Braga superou cirurgia no coração para conquistar primeiro título após perder filho em 2017

Abel Braga superou cirurgia no coração para conquistar primeiro título após perder filho em 2017

 

Bernardo Gentile
Do UOL, no Rio de Janeiro

"Esta parte da minha vida... Esta pequena parte da minha vida... Chama-se felicidade". A frase narrada por Will Smith no filme "À Procura da Felicidade" se encaixa perfeitamente no momento vivido pelo técnico Abel Braga. O título do Campeonato Carioca é uma fagulha de alegria em meio ao breu em que se encontra o comandante do Flamengo.

Desde julho de 2017, quando o treinador perdeu o filho João Pedro, de apenas 18 anos, o treinador tem encarado uma barra pesadíssima. Soma-se a isso a estressante rotina de um técnico de futebol e o resultado foi uma arritmia no fim de março, quando teve que passar por uma cirurgia no coração.

O susto não o fez mudar drasticamente sua rotina. Voltou a treinar o Flamengo dias depois e passou a encarar novamente a pressão de estar à frente de um dos maiores clubes do Brasil. "E o Arrascaeta?", "Por que a insistência no Vitinho?" ou "Só não tira o Everton Ribeiro".

Indagações e cobranças que o treinador teve que responder por várias oportunidades mesmo quando sabia que estava fazendo o melhor para o Flamengo dentro de suas convicções. Campeão estadual, do Brasil, da América do Sul, do mundo. O impecável e pesado currículo não foi suficiente para que Abel Braga tivesse confiança da torcida, que vaiou e xingou no primeiro momento de dificuldade na temporada.

Insistiu. Até porque Abel Braga é desses. Dificilmente será vencido pela maioria ou passará a fazer algo que não acredite. Morre com suas convicções. Elas foram suficientes para que o Flamengo conquistasse novamente o Rio de Janeiro sem tanta dificuldade.

Abel foi contratado porque o Flamengo passou alguns anos em `modo banana´. Precisava de alguém com alma rubro-negra, que resgatasse o incômodo com a derrota e visse na vitória sua única alternativa. Chegou, fez e venceu. Ainda é pouco, mas é o primeiro passo para o clube da Gávea. E também o primeiro para o treinador, que tenta renascer após o sentimento mais doloroso que um pai pode ter.

Foto: Alexandre Vidal / Flamengo.com.br

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    90
  • 2 San
    71
  • 3 Pal
    71
  • 4 Grê
    65
  • 5 Ath
    63
  • Veja tabela completa