Artilheiro brilhou no jogo disputado no Morumbi. Foto: Reprodução

Artilheiro brilhou no jogo disputado no Morumbi. Foto: Reprodução

São Paulo e Grêmio, que se enfrentam neste sábado (14) pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro no Morumbi, a partir das 21h, já protagonizaram uma final do mesmo certame, em 1981, e o time de Porto Alegre levou a melhor.

Depois de vencer primeiro jogo na capital gaúcha por 2 a 1, de virada (Serginho marcou para o time paulsta e Paulo Isidoro fez os dois tentos do time gaúcho), o Grêmio precisava apenas de um empate para levantar a taça. 

O São Paulo se credenciara à final após eliminar o Botafogo (RJ), enquanto o Grêmio passou pela Ponte Preta.

A partida foi equilibrada na primeira etapa, com chances para ambos os lados e boas participações dos goleiros, Leão e Waldir Peres, do Grêmio e do São Paulo, respectivamente.

Precisando da vitória, o São Paulo mostrava-se mais agressivo nos momentos iniciais da etapa final, mas a estrela do técnico Ênio Andrade brilhou mais forte que a de Carlos Alberto Silva.

O treinador gaúcho promoveu uma substituição aos 19 minutos do segundo tempo, sacando o meia Odair e colocando Renato Sá em seu lugar. Em cruzamento de Paulo Roberto, pela direita, Renato Sá deu o primeiro toque na bola, de cabeça, de dentro da grande área, para o centroavante Baltazar. 

O "Artilheiro de Deus" matou no peito com estilo e desferiu um chute certeiro no ângulo esquerdo da meta de Waldir Peres, inapelável, sem deixar a bola cair, do meio círculo.

No desespero, o São Paulo abusou das bolas cruzadas na área gremista, facilitando o trabalho da boa zaga gaúcha, composta por Newmar e Hugo De León.

No final, um lance desleal de Serginho em Leão. Primeiro, o centroavante foi ao encontro do goleiro em bola recuada pela defesa do Grêmio.

No chão, claramente tentando ganhar tempo. Leão se contorcia e Serginho, já expulso pelo árbitro José Roberto Wright, foi em sua direção, aparentando que pediria desculpas, mas acabou chutando o rosto do arqueiro.

Se em 1981 as duas equipes eram protagonistas no Campeonato Brasileiro, hoje enfrentam situação bem complicada. O São Paulo é o primeiro fora da zona do rebaixamento, em 16º, com 15 pontos. O Grêmio, por sua vez, está em penúltimo lugar, com dez, mas dois jogos a menos que o Tricolor Paulista.

ABAIXO, COM NARRAÇÃO DE LUCIANO DO VALLE, OS MELHORES MOMENTOS DE SÃO PAULO 0 X 1 GRÊMIO NA FINAL DO BRASILEIRO DE 1981, NO MORUMBI, EM 3 DE MAIO DE 1981. OS COMENTÁRIOS SÃO DE GÉRSON E AS REPORTAGENS DE RAUL QUADROS E ROBERTO CABRINI. 

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa