O `Açucareiro´conquistou muitos títulos pelo Santos e também jogou no PSG. Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

O `Açucareiro´conquistou muitos títulos pelo Santos e também jogou no PSG. Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

Se estivesse vivo, o ótimo zagueiro Joel Camargo (1946-2014) completaria 74 anos nesta sexta-feira (18).

Apelidado de "Açucareiro" (por jogar bonito, com os braços abertos), o santista Joel Camargo começou sua carreira pela Portuguesa Santista em 1963, mas seu belo futebol o levou à Vila Belmiro no mesmo ano, onde permaneceu defendendo o Santos até 1971, período em que conquistou cinco campeonatos paulistas e três brasileiros, além de uma Recopa Sul-Americana e uma Recopa Mundial.

Reserva na Copa de 1970, no México, Joel foi um daqueles que teve o gostinho pelo tricampeonato da seleção brasileira.

Ainda defendeu o Paris Saint Germain (1971-1972), CRB e Saad (ambos em 1973).

CLIQUE AQUI E VEJA A PÁGINA DE JOEL CAMARGO NA SEÇÃO "QUE FIM LEVOU?"

Coutinho e Joel Camargo no almoço dos campeões mundiais de futebol em 25 de abril de 2013, no Espaço Unyco, no Estádio do Morumbi. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

 

Milton Neves levou o seu abraço a Joel Camargo na entrega das carteiras do seguro-saúde aos ex-jogadores campeões do mundo pela seleção brasileira em Copas do Mundo, no dia 25 de agosto de 2008, no salão nobre do Pacaembu


Em pé, da esquerda para a direita: Djalma Santos, um integrante da comissão técnica, Piazza, Sadi, Cláudio, Joel Camargo e Jurandir. Agachados: o massagista Mário Américo, Paulo Borges, Tostão, César Maluco, Rivellino e Edu. Foto enviada pelo internauta Walter Roberto Peres

 

Joel no dia 5 de março de 1971. Foto da Revista Placar

 

Joel Camargo é o segundo em pé. Agachados: Pereirinha é o quarto e Junios, sexto.

 

Joel Camargo é o segundo em pé. Agachados: Pereirinha é o quarto e Junios, sexto.

 

Coutinho e Joel Camargo no almoço dos campeões mundiais de futebol em 25 de abril de 2013, no Espaço Unyco, no Estádio do Morumbi. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

 

Coutinho conversa com Joel Camargo no almoço dos campeões mundiais de futebol em 25 de abril de 2013, no Espaço Unyco, no Estádio do Morumbi. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

 

Em 25 de abril de 2013, no Espaço Unyco, no Estádio do Morumbi. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

 

Em 25 de abril de 2013, no Espaço Unyco, no Estádio do Morumbi. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

 

Veja o ex-zagueiro Joel Camargo, à esquerda, Alexandre Bueno e na ponta direita o ex-beque Joãozinho, em 2013, na cidade de Santos-SP. Crédito da foto: Carlos Prieto, o Gigi .

 

Equipe santista em excursão por Santa Catarina, em 1967. Em pé, da esquerda para a direita (atrás do homem de paletó) está Carlos Alberto Torres, seguido por Zito, Ramos Delgado, Joel Camargo, Gylmar, Élcio (goleiro reserva) e Rildo. Agachados: Wilson Tergal, Clodoaldo, Douglas, Coutinho e Edu. Contundidos, Pelé e Laércio, não estiveram presentes na excursão santista. Foto enviada por Emílio A. Duva

 

Em pé, da esquerda para a direita, Joel Camargo, Zito, Olavo, Geraldino, Mauro Ramos e Laércio. Agachados, da esquerda para a direita, Dorval, Mengálvio, Coutinho, Pelé e Pepe. Foto: Reprodução/Revista do Santos

 

Santos, Super Campeão Paulista de 1967. Em pé, da esquerda para a direita: Carlos Alberto Torres, Ramos Delgado, Joel, Clodoaldo, Cláudio e Rildo. Agachados: Wilson Tergal, Buglê, Toninho Guerreiro, Pelé e Edu. Foto enviada por Vanessa Ferreira, filha de Wilson

 

Time do Santos quando foi colocar a faixa de tri-campeão catarinense no Esporte Clube Metropol. Em pé da esquerda para direita: Joel, Mengálvio, Geraldino, Ismael, Gilmar, Mauro e repórter. Agachados: Batista, Rossi, Coutinho, Almir e Pepe

 

O zagueiro Mauro Ramos posa para a foto antes da partida entre Santos e Metropol, em 1962. Atrás do beque do Peixe, Jairton conversa com Joel Camargo

 

Camisas compridas para os jogadores santistas em jogo noturno. Em pé, da esquerda para a direita: Carlos Alberto Torres, Cláudio, Ramos Delgado, Clodoaldo, Joel e Rildo. Agachados: Toninho Guerreiro, Lima, Douglas, Pelé e Edu. Foto enviada por Ligia Mauriz

 

Seis jogadores do Santos em destaque: em pé, da esquerda para a direita, Joel Camargo, Cláudio e Clodoaldo. Agachados: Toninho Guerreiro, Pelé e Edu. Foto enviada por Ligia Mauriz

 

Da esquerda para a direita, em pé: Carlos Alberto Torres, Sadi, Cláudio, Joel, Denílson e Jurandir. Agachados: Paulo Borges, Gérson, Jairzinho, Tostão e Edu. Foto enviada por Renato Meneses Fernandes

 

Da esquerda para a direita: Manuel Maria, Edu, Joel Camargo, o torcedor Joãozinho, de Barra Bonita-SP, Lima e Clodoaldo

 

Joel Camargo (ao centro e sentado) dando autógrafo para torcedora do Santos Futebol Clube, Drª. Lia. Foto enviada por Moisés Bueno

 

Da esquerda para a direita, em pé: Vermelho, Haroldo, Joel Camargo, Ronaldo Brito, Tadeu e Ademir. Agachados: Roberval Davino, Orlandinho, Reinaldo, Mário e Silva. Foto enviada por Moisés Bueno

 

Em pé, da esquerda para a direita: Carlos Alberto Torres, Roberto Dias, Joel Camargo, Rildo, Brito e Gylmar. Agachados, da esquerda para a direita: Julinho Botelho, Gérson, Pelé, Vavá e Rinaldo. Enviou: Roberto Saponari

 

Ídolos do presente, em 1993, entregavam homenagens aos ex-jogadores que conquistaram o bicampeonato mundial. Da esquerda para a direita: Dalmo aparece de camisa azul listrada, seguido por Tite, João Carlos, Olavo, Joel Camargo e Haroldo.

 

Minutos antes do Santos enfrentar o São Paulo no Morumbi, em 1964. Em pé, após o goleiro reserva (vestido com o grosso abrigo do Santos), estão: Joel Camargo, Cido, Marçal, Ademir, Pardal e Silas. Agachados: Iris, Rossi, o saudoso Gilberto, Paulo Sant´Anna e Noriva. Foto: arquivo pessoal de Paulo Sant´Anna

 

Do lado santista, em pé, da esquerda para a direita: Clodoaldo é o primeiro, Lima o quarto, e Everaldo o último. Agachados: Joel Camargo é o segundo, Márcio Fernandes aparece em quinto, tendo Edu à sua frente, seguido por Bianqui (com os braços sobre o goleiro), Paulo Róbson (de bigode), Toninho Carlos (à frente) e Serginho Chulapa. Do lado corintiano, na fileira de cima, Ataliba é o primeiro, Wladimir o terceiro, seguido por Édson Boaro. Na fileira de baixo, Solito, João Paulo, Gilberto Costa e Luís Fernando Abichabki

 

Com uma camisa vermelha da Federação Paulista de Futebol, o ex-atleta Negreiros, o sétimo, da esquerda para a direita, posa para foto ao lado do ex-zagueiro Joel Camargo, o oitavo, da esquerda para direita

 

Em pé, da esquerda para a direita: Haroldo, Lalá, Joel Camargo, Didi, Maneco, Tobias, Neto, Everaldo e o técnico Alfredo Sampaio. Agachados: Guega, Negreiros, Dorval, Aluísio, Kaneco, Luizinho, Lima e Abel

 

Antes de mais uma partida na Rua Javari. Em pé, da esquerda para a direita: Cláudio, Carlos Alberto Torres, Clodoaldo, Joel Camargo, Rildo e Orlando Peçanha. Agachados: Edu, Lima, Toninho Guerreiro, Pelé e Abel. A foto é do Clube do Ouvinte da Rádio Tupi-SP, e foi enviada ao jornalista Milton Neves por Marco Antonio, ex-repórter da saudosa Rádio Tupi, que você confere na seção "Que Fim Levou" cliclando aqui

 

Recorte de jornal da reportagem relativa ao jogo entre Comercial e Santos disputada no estádio Palma Travassos em Ribeirão Preto em 10 de Outubro de 1965, jogo que Milton Neves diz ter sido a primeira vez que assistiu o Santos jogar ao vivo, tendo ido ao estádio de kombi. A reportagem diz que naquele dia o calor era insuportável (38 graus à sombra). Diz também que o Santos foi prejudicado pelo fato do zagueiro Mauro Ramos de Oliveira haver se machucado e ficado em campo apenas para fazer número, pois ainda não eram permitidas substituições. Foto enviada por Walter Roberto Peres

 

Recorte de jornal da reportagem relativa ao jogo entre Comercial e Santos disputada no estádio Palma Travassos em Ribeirão Preto em 10 de Outubro de 1965, jogo que Milton Neves diz ter sido a primeira vez que assistiu o Santos jogar ao vivo, tendo ido ao estádio de kombi. A reportagem diz que naquele dia o calor era insuportável (38 graus à sombra). Diz também que o Santos foi prejudicado pelo fato do zagueiro Mauro Ramos de Oliveira haver se machucado e ficado em campo apenas para fazer número, pois ainda não eram permitidas substituições. Foto enviada por Walter Roberto Peres

 

Em pé: Carlos Alberto, Cláudio, Joel Camargo, Orlando, Clodoaldo e Geraldino. Agachados: Wilson, Lima, Toninho Guerreiro, Pelé e Abel. Foto enviada por Walter Roberto Peres

 

Em pé: Carlos Alberto Torres, Félix, Djalma Dias, Clodoaldo, Joel Camargo e Rildo. Agachados: Jairzinho, Gérson, Toninho Guerreiro, Pelé e Edu.

 

O jogo (Santos 3 x 2 Racing) foi válido pela Recopa Sul-Americana de 1968, mas foi realizado em novembro de 1968. O resultado deu o título ao Santos. Os gols do alvinegro praiano, que era dirigido por Antoninho Fernandes foram marcados por Toninho (dois) e Negreiros. Silva fez os dois gols dos argentinos. Em pé, da esquerda para a direita: Carlos Alberto Torres, Ramos Delgado, Joel Camargo, Cláudio, Clodoaldo e Rildo. Agachados: Manuel Maria, Negreiros, Toninho Guerreiro, Douglas e Edu

 

A Seleção Brasileira fez um amistoso em Lima. Em pé: Carlos Alberto Torres, Sadi, Cláudio (goleiro), Joel Camargo, Denilson e Jurandir. Agachados: Paulo Borges, Gérson, Jairzinho, Tostão e Edu. Foto enviada por Walter Roberto Peres e publicada na Revista Placar

 

Joel Camargo em sua passagem pelo CRB, de Maceió. Foto enviada por Walter Roberto Peres e publicada na "Revista Placar"

 

Seleção de Ouro, em 4 de julho de 1979. Em pé: Jurandir, Ditão, Russo, Veríssimo, Benê e Mendonça. Agachados: Joel Camargo, Dorval, Joãozinho, Formiga e Valdir Birigui

 

Esta Seleção Brasileira "B" perdeu para o Olaria por 1 a 0 com um gol de Nado. O jogo serviu como preliminar de Brasil 0 x 0 Paraguai, em 12 de Abril de 1970, jogo preparatório para a copa do México. Em pé vemos Baldocchi, Leão, Zé Maria, Joel Camargo, Everaldo e Dirceu Lopes; agachados estão Nocaute Jack, Jairzinho, Zé Carlos, Roberto, Agnaldo (juvenil do Olaria que completou o time) e Arílson

 

Na foto, o time montado pelo então técnico do escrete canarinho, João Saldanha, que goleou a Venezuela por 6 a 0, no dia 24 de Agosto de 1969, no estádio do Maracanã, pelas eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 1970. Em Pé :Carlos Alberto Torres, Félix, Djalma Dias, Joel Camargo, Piazza e Rildo. Agachados: o massagista Mário Américo, Jairizinho, Gérson, Tostão, Pelé, Edu e Nocaute Jack.Crédito foto: Blog do Jornalista Roberto Porto

 

Moeda comemorativa do título mundial de 1970, no México.

 

Treino do Brasil em 69. Na foto, Rivellino deixava crescer seu primeiro bigodão e Joel Camargo, o açucareiro, está atrás do braço esquerdo do Reizinho do Parque. Toninho Guerreiro, Paulo César Caju, Scala, Brito, Rildo e Pelé sorriem felizes da vida

 

Acima, a delegação do Brasil que venceu a Copa de 70, no México. Zagallo era o técnico e PArreira, o preparador físico reserva. Em pé, da esquerda para a direita: Rogério, Cláudio Coutinho, Carlos Alberto Parreira, Félix, Joel Camargo, Leão, Fontana, Brito, Clodoaldo, Zagallo e Admildo Chirol. SEGUNDA FILEIRA: Mário Américo, Rivellino, Carlos Alberto Torres, Baldochi, Wilson Piazza, Everaldo, Paulo César Caju, Tostão, Marco Antônio e Ado. SENTADOS: Edu, Zé Maria, Dadá Maravilha, Gérson, Roberto Miranda, Jairzinho, Pelé e Nocaute Jack. Deles, já morreram Cláudio Coutinho, Fontana, Admildo Chirol, Mário Américo, Everaldo e Nocaute Jack

 

Laurício (ex-Fluminense e Inter-RS), Zé Pulula e Joel Camargo, na cidade de Londrina-PR, em 1972.

 

Foto do jornal A Tribuna mostra Joel Camargo ainda com a camisa da Portuguesa Santista, em 1963. Ela foi enviada por Walter Roberto Peres

 

A cerimônia de entrega das carterinhas do plano de saúde "Sinasa" reuniu alguns dos jogadores campeões do mundo pela Seleção Brasileira. Em pé da esquerda para à direita: pessoa não identificada, Ado, Joel Camargo, Mengávio, Pepe, Zito, o filho do ex-goleiro Gylmar dos Santos Neves, Marcelo Neves, o secretário de esportes do município de São Paulo, Walter Feldman, Dino Sani, Marco Aurélio Klein e pessoa não identificada. Agachados: Gilmar Rinaldi, Mauro Silva e Eduardo Jonas Américo.

 

Joel Camargo foi um zagueiro habilidoso e preciso nos desarmes, tanto que o ex-treinador da Seleção Brasileira, o saudoso João Saldanha, o considerava um dos beques mais completos da história do futebol nacional.

 

Milton Neves levou o seu abraço a Joel Camargo, na entrega das carteiras do seguro-saúde aos ex-jogadores campeões do mundo pela Seleção Brasileira em Copas do Mundo, no dia 25 de agosto de 2008, no salão nobre do Pacaembu.

 

Santos na década de 60. Em pé, da esquerda para a direita: Lima, Zito, Geraldino, Joel Camargo, Mauro Ramos de Oliveira e Laércio. Agachados: Peixinho, Mengálvio, Toninho, Pelé e Pepe. A foto foi tirada por Sarkis

 

Joel Camargo, à direita, e Maravilha, com o cigarro na mão, observam o movimento nas cercanias da Vila Belmiro em 1971. Joel, naquele momento, se recuperava de um acidente automobilístico sofrido dias antes. A foto foi enviada ao site pelo querido Walter Peres.

 

Quem nos mandou essa espetacular imagem, clicada pelo inesquecível fotógrafo Sarkis, foi o internauta Walter Roberto Peres. E sobre ela, nos escreveu o seguinte: "O Santos sempre foi um time respeitável e respeitador. Foi o campeão primordialmente da técnica e da disciplina, título obtido no passado pelos idos de 1927, o que deve ser preservado em qualquer esporte. Veja esta foto do Santos, em 1964, com os jogadores envergando camisas dos times cariocas, homenageando os clubes do então estado da Guanabara, como retribuição recebida aos torcedores dos vários clubes daquele estado pelo apoio durante as exibições no Maracanã, que culminaram com a conquista do Mundial Interclubes, em 1962". Em pé: Lima (camisa do Campo Grande), Ismael (camisa do Madureira), Joel Camargo (Flamengo), Olavo (Vasco da Gama), Mengálvio (América), e Gylmar (o único com a camisa do Santos). Agachados: Peixinho (Bangu), Rossi (São Cristóvão), Toninho Guerreiro (Portuguesa), Pelé (Olaria) e Pepe (Fluminense)

 

Aliás, era difícil esse esquadrão parar no Brasil diante do número de convites para jogar no exterior que surgiam a cada dia. Na fila de cima, da esquerda para a direita, vemos Orlando Duarte, Pelé, Rildo, Gilmar, Buglê, Mauro, Lima, Silva, Negreiros, Toninho e Joel Camargo; agachados estão Clodoaldo, Edu, Abel, Oberdan, Wilson Tergal, Douglas, Claudio e Macedo

 

A foto acima é do dia 21 de dezembro de 1967, quando o Santos bateu o São Paulo por 2 a 1, no Pacaembu, e conquistou o Paulistão daquele ano. Em pé: Carlos Alberto, Ramos Delgado, Joel Camargo, Clodoaldo, Cláudio e Rildo. Agachados: Wilson, Buglê, Toninho, Pelé e Edu. Foto: Revista Manchete

 

Vejam o Santos no Morumbi no dia 13 de abril de 1969 em clássico contra o Corinthians. Naquela tarde, diante de 51 mil pagantes, o Timão venceu por 2 a 0 pelo Campeonato Paulista. Na foto estão Edu, Manuel Maria, Rildo, Lima, Toninho Guerreiro, Clodoaldo, Pelé, Ramos Delgado, Joel, Cláudio e Carlos Alberto Torres. Fica até difícil acreditar que esse timaço perdeu, mas naquele dia o Corinthians não vivia mais o tabu de 11 anos sem vitórias contra o Peixe e jogou bem menos pressionado

 

Grandes jogadores do passado durante encontro em Santos. Em pé, da esquerda para a direita, estão Mengálvio, Dorval, um torcedor, Lalá, Kaneco, Manga (saudoso ex-goleiro do Santos e da Briosa), Joel Camargo e Jorge Trombada. Agachados: João Paulo, Edu, Cláudio Moraes e o ex-ponta Afonsinho

 

E se jogasse ainda hoje, parece que continuaria com o mesmo estilo

 

Nos anos 60 e 70, Joel não facilitava a vida dos atacantes adversários

 

Na década de 60, o Santos embarca para mais uma de suas famosas excursões. EM PÉ, da esquerda pra direita, o técnico Lula, Gylmar dos Santos Neves, Coutinho, um diretor santista, Joel Camargo, Laércio, Zito, Toninho Guerreiro, Ismael, Mengálvio, Haroldo, Geraldino, Ciro Costa e Pepe. AGACHADOS: o massagista Macedo, Chicão, Noriva, Peixinho, Almir, o presidente Athiê Jorge Cury, Lima e Modesto

 

EM PÉ: Carlos Alberto Torres, Cejas, Ramos Delgado, Joel, Clodoaldo e Rildo. AGACHADOS: Léo Oliveira, Nenê, Luís Carlos Feijão, Pelé e Abel.

 

Veja Joel Camargo em sua época de aluno do curso primário no colégio santista Externato Santa Rita, em 1953. Ele é o quinto, da esquerda para a direita, na terceira fileira. O comentarista esportivo Paulo Roberto Martins, o Morsa, é o terceiro, na segunda fileira.

 

Veja como era e como está Joel Camargo, o açucareiro

 

Da esquerda pra direita: Gylmar, Mauro Ramos de Oliveira, Zé Mário, Joel, Marçal, Mengálvio, Lima, Juary, Zito, Pepe, Dalmo, Aílton Lira e Fernando. Na linda foto de Ronaldo Kotscho, da "Placar", no Pacaembu, só faltou um tal de Pelé

 

EM PÉ: Carlos Alberto Torres, Joel Camargo, Geraldino, Orlando, Gylmar e Mauro Ramos de Oliveira. AGACHADOS: Dorval, Lima, Coutinho, Pelé e Abel. O jogo, um Comercial 0 x 2 Santos, foi realizado no estádio Francisco de Palma Travassos, em Ribeirão PReto-SP, válido pelo segundo turno do Paulistão de 1965. Foi a primeira vez que o jornalisa Milton Neves viu, ao vivo, o Santos de Pelé atuando. O apresentador estava no estádio quando Pelé, de pênalti, anotou o primeiro gol do Santos. No segundo tempo, Dorval bateu de pé esquerdo e marcou o segundo do Peixe. Inesquecível para qualquer santista, principalmente para o apaixonado Milton Neves

 

Santos em 1966. Em pé: Wilson Campos, Ramos Delgado, Joel Camargo, Gylmar, Clodoaldo e Turcão. Agachados: Manoel Maria, Lima, Werneck, Pelé e Pepe. Os mascotes são Gianfranco e Mauro Beting.

 

Joel Camargo não mudou muito, não acham?

 

Em pé: Wilson Campos, Ramos Delgado, Joel Camargo, Clodoaldo, Cláudio, Turcão e o preparador físico Júlio Mazzei. Agachados: Manoel Maria, Lima, Werneck, Pelé, Pepe e Macedo.

 

Em Santos, posando para o jornalista Ednilson Valia

 

Kinshasa, Zaire, em 1969: O Santos para uma guerra africana e posa ao lado dos jogadores locais. Os jogadores do Peixe, em pé, são: Orlando, Joel(encoberto), Lima, Zito, Cláudio (encoberto atrás de um africano que está atrás de Rildo) e Rildo. Agachados: Wilson Tergal, Clodoaldo, Toninho Guerreiro, Pelé e Abel.

 

Kinshasa, em 1969: O Santos para uma guerra na África e o Primeiro Ministro do Zaire cumprimenta Pelé, Joel Camargo, Toninho Guerreiro, Orlando e Abel. Ao fundo, encoberto, à esquerda, Zito e o goleiro Cláudio

 

EM PÉ: Lima, Ramos Delgado, Joel, Cláudio, Clodoaldo e Rildo. AGACHADOS: Edu, Negreiros, Douglas, Pelé e Abel

 

Pela Taça Brasil de 1963, Pelé substituiu Gylmar, que foi expulso aos 41 minutos do segundo tempo, dia em que o Santos bateu o Grêmio por 4 a 3, no Pacaembu. A partida foi disputada no dia 19 de janeiro de 1964. O gremista à frente a Pelé é João Severiano (o Joãozinho). Atrás, Haroldo (o Sombra) e Joel Camargo. Ao fundo, com a mão no queixo, Dalmo. Foto: Twitter de Pelé

 

Santos na Vila Belmiro na vitória de 5 a 1 sobre o Noroeste, no dia 7 de agosto de 1966. Em pé: Carlos Alberto, Haroldo, Mauro, Orlando, Joel Camargo e Laércio. Agachados: Dorval, Mengálvio, Toninho, Lima e Abel

 

 

 

Capa do calendário da Federação Paulista de Futebol do ano de 2018, mostrando os jogadores campeões do Paulista e da Copa do Mundo. Na primeira linha, da esquerda para a direita, veja Gylmar dos Santos Neves, Emerson Leão, Zetti, Marcos, Dida, Rogério Ceni, De Sordi, Djalma Santos, Carlos Alberto Torres, Zé Maria e Cafu. Na segunda linha, veja Belletti, Mauro Ramos, Orlando Peçanha, Jurandir, Joel Camargo, Márcio Santos, Ricardo Rocha, Ronaldão, Roque Jr., Edmilson e Leonardo. Na terceira linha, veja Júnior, Roberto Carlos, Dino Sani, Zito e Clodoaldo. Na quarta linha, veja Mauro Silva, Mazinho, Vampeta, Zequinha, Mengálvio, Gérson, Raí, Ricardinho, Juninho, Zinho e Rivaldo. Na quinta linha, veja Vavá, Coutinho, Viola, Luizão, Ronaldo, Muller, Edilson, Pepe, Edu, Denilson e Pelé.

 

Joel Camargo, em 1971, se apresentando no recém-fundado PSG. Foto: Reprodução

 

Treino da seleção brasileira no dia 1º de abril de 1969, sete dias antes do amistoso contra o Peru, realizado no Estádio Beira-Rio, que terminou com vitória do Brasil por 2 a 1 (gols de Jairzinho e Gérson; Gallardo anotou o tento da seleção visitante). Da esquerda para a direita, veja Everaldo (atrás), Jairzinho, Félix (atrás), Brito, João Saldanha, Djalma Dias, Carlos Alberto Torres, Joel Camargo e Edu. Foto: Folhapress

 

Antes da partida entre o Brasil e a seleção sergipana, em 9 de julho de 1969, dia da inauguração do Estádio Estadual Lourival Baptista, em Aracaju-SE. Em pé, da esquerda para a direita: Carlos Alberto Torres, Félix, Djalma Dias, Clodoaldo, Joel e Rildo. Agachados: Jairzinho, Gérson, Toninho Guerreiro, Pelé e Edu. Foto enviada pelo internauta Amós Silva Menezes

 

Pelé com a linda camisa de mangas longas do Santos em Buenos Aires, em 1968. Atrás, Joel Camargo. Foto: ASSOPHIS

 

Joel Camargo em sua curta passagem pelo CRB, em 1973. Foto: Divulgação

 

Foto de 1965, da esquerda para a direita: Elizeu, Joel Camargo, Osvaldo Rossi e Cláudio Mauriz, em Santos.

 

Seleção Brasileira, no dia 31 de agosto de 1969. Partida contra o Paraguai, válida pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 1970, vencida pelo Brasil por 1 a 0. Da esquerda para a direita, em pé: Carlos Alberto Torres, Félix, Djalma Dias, Joel Camargo, Piazza e Rildo. Agachados: Mário Américo, Jairzinho, Gérson, Tostão, Pelé, Edu e Nocaute Jack. Foto enviada por Moisés Bueno

 

Formação do Santos na década de 60. Em pé, da esquerda para a direita: Lima, Zito, Joel Camargo, Haroldo, Geraldino, Gylmar e o jornalista Orlando Duarte. Agachados: Dorval, Mengálvio, Toninho Guerreiro, Pelé e Pepe

 

Santos, na década de 60. Da esquerda para a direita, em pé: Carlos Alberto, Ramos Delgado, Clodoaldo, Geraldino, Cláudio e Joel Camargo. Agachados: jogador não identificado, Lima, Tonho, Douglas e Edu

 

Joel Camargo nos anos 60 na Vila Belmiro. Foto: ASSOPHIS (Associação dos Pesquisadores e Historiadores do Santos F.C)

 

Na Seleção Brasileira. Crédito CBF News

 

Londrina ( 1972) - Nicola, Lásaro, Hale, Café, Joel Camargo, Zé Rubens e Carlos César- AGACHADOS_- Mickey, Gauchinho, Zezé Pulula, Petronilio, Zé Miguel e Neco.

 

Laurício ( Ex - Fluminense e Inter RS), Zezé Pulula e Joel Camargo, Tri-campeão Mundial pela Seleção Brasileira 1970, e Santos de Pelé. Site do Zé Pulula

 

Em Santos, no seu apartamento no bairro do Embaré.

 

Em pé: Vermelho, Haroldo, Joel Camargo, Ronaldo Brito, Tadeu e Ademir Agachados: Roberval Davino, Orlandinho, Reinaldo, Mario e Silva

 

Crédito revista Placar 4 de dezembro de 1970

 

Crédito revista Bola Alvinegra N3 edição especial Novembro de 1963. Publicada no site novomilenio e Tardes de Pacaembu

 

Joel Camargo foi matéria da Revista Placar em Maio de 2014.

 

Coutinho, Clodoaldo e Joel Camargo em 25 de abril de 2013, no Espaço Unyco, no Estádio do Morumbi. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

 

Coutinho, Terto e Joel Camargo em 25 de abril de 2013, no Espaço Unyco, no Estádio do Morumbi. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa