Gestor falou após o rebaixamento da equipe. Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro

Gestor falou após o rebaixamento da equipe. Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro

Após a derrota por 2 a 0 diante do Palmeiras na tarde do último domingo (8) no Mineirão, resultado que levou o Cruzeiro ao seu primeiro rebaixamento no Campeonato Brasileiro, o gestor Zezé Perrella falou dos planos para 2020.

Cada um de nós que vivemos o Cruzeiro temos uma parcela de responsabilidade. Eu, quando aceitei trabalhar como gestor de futebol, sabia os riscos que estava correndo, com um legado de 17 anos, 23 títulos, Toca da Raposa que construímos sem pegar um real emprestado. Contra meu irmão, resolvi aceitar esse desafio sabendo da imensa dificuldade que iria enfrentar. Não estou transferindo responsabilidade. Pelo que aconteceu no Cruzeiro de alguns anos para cá, tinha que acontecer o que aconteceu hoje. Foram decisões temerárias as coisas que aconteceram aqui. Em busca de ganhar um título, ser campeão brasileiro. Isso tem um preço, e uma hora a conta chega. E a conta chegou", lamentou Perrella.

O Cruzeiro terminou o Campeonato Brasileiro com 36 pontos, três a menos que o Ceará, primeiro fora da zona do rebaixamento. 

Além do Cruzeiro, também foram rebaixados: CSA; Chapecoense e Avaí.

Os quatro que foram promovidos à Série A: Bragantino, Sport, Coritiba e Atlético-GO.

 

 

 

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    90
  • 2 San
    71
  • 3 Pal
    71
  • 4 Grê
    65
  • 5 Ath
    63
  • Veja tabela completa