Ele também jogou no Palmeiras, no Santos e na Portuguesa. Foto: Blog Tardes de Pacaembu

Ele também jogou no Palmeiras, no Santos e na Portuguesa. Foto: Blog Tardes de Pacaembu

Morreu nesta sexta-feira, dia 5 de julho, o ex-meia Mendonça, aos 63 anos, que surgiu no Botafogo e teve passagens por Palmeiras, Santos, Portuguesa e Grêmio. Ele estava internado há cerca de dois meses no CTI do Hospital Albert Schwitzer, após cair de uma escada na estação de trem Guilherme da Silveira, em Bangu.

Na noite de quinta-feira seu quadro se agravou, devido a uma infecção grave. Seu fígado e seus rins já estavam comprometidos e ele não conseguiu melhorar nem com o tratamento com antibióticos.

Milton da Cunha Mendonça nasceu em 23 de maio de 1956 e jogou no Botafogo entre 1975 e 1982. Depois disso ele foi para a Portuguesa e passou também por Palmeiras, Santos, Inter de Limeira, Bangu, Al-Saad, São Bento, Grêmio, Internacional de Santa Maria, Fortaleza, América de Natal e Barra Mansa.

Meia de futebol refinado, foi convocado algumas vezes para a seleção brasileira e chegou a fazer dois jogos com a camisa amarela. Mendonça ficou eternizado por um gol que marcou pelo Botafogo na vitória de 3 a 1 sobre o Flamengo, onde deu um drible sensacional em Júnior e tocou na saída de Raul.

CONFIRA MAIS DA CARREIRA DE MENDONÇA NA SEÇÃO "QUE FIM LEVOU?"

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    90
  • 2 San
    71
  • 3 Pal
    71
  • 4 Grê
    65
  • 5 Ath
    63
  • Veja tabela completa