Peixe poderia ter sido derrotado pelo Timão. Foto: Rodrigo Coca/Corinthians

Peixe poderia ter sido derrotado pelo Timão. Foto: Rodrigo Coca/Corinthians

O placar final sem gols no clássico entre Santos e Corinthians na Vila Belmiro foi tão surpreendente quanto as monótonas entrevistas coletivas de Tite. Estava mais na cara que nariz que os alvinegros fariam um jogo duro de assistir na tarde do último domingo.

Mas, apesar de o placar ter sido totalmente previsível, tivemos um fato que realmente ninguém esperava que acontecesse durante os 90 minutos. Sim, é claro que o futebol não é boxe e o que vale é bola na rede. Mas, quem chegou mais perto da vitória foi o Corinthians, e não o Santos. 

O Timão, principalmente no segundo tempo, se encontrou nos contra-ataques e por muito pouco não balançou as redes de João Paulo. Chegou a marcar, é verdade, com Jô. Mas o gol acabou sendo anulado pelo VAR, que identificou - corretamente, pelo que vi na transmissão - posição irregular de Gustavo Mosquito no início da jogada. 

O árbitro de vídeo também anulou um pênalti sofrido pelo mesmo Mosquito minutos após o gol invalidado de Jô. O lance divide opiniões. Para mim, não foi pênalti. Mas, como se trata de um lance duvidoso, o VAR não deveria ter chamado para a revisão. Bem, enfim, são coisas que acontecem… 

O que não pode acontecer é o time do Santos ser dominado pelo fraquíssimo Corinthians jogando na Vila Belmiro. Tanto que as atuações no clássico deixaram os santistas mais preocupados do que os corintianos animados. Se o Peixe não consegue dominar o pior dos times paulistas da Série A em seus domínios, conseguirá superar a quem? 

E isso comprova que já passou da hora de o sinal de alerta ser ligado lá na Vila Belmiro. 

 

 

 

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa