Em Maranello, ansiedade pelo fim do jejum de títulos. Reprodução/Scuderia Ferrari

Em Maranello, ansiedade pelo fim do jejum de títulos. Reprodução/Scuderia Ferrari

Por meio de suas redes sociais, Ferrari, Mercedes e McLaren exibiram o som de seus motores para a temporada de 2020 da Fórmula 1, marcada para começar no dia 15 de março, com o GP da Austrália, em Melbourne.

A Ferrari, que apresentará oficialmente seu novo carro, a 671, no dia 11 de fevereiro, no Teatro Municipal de Reggio Emilia, próximo a Maranello, sede do time italiano, mostrou seu vídeo evidenciando que o modelo está na fábrica, e o som do novo V6 turbo de 1.6 litros parece ser o mais grave no comparativo com o da Mercedes e o Renault da McLaren. A dupla escarlate, Sebastian Vettel e Charles Leclerc, que demonstrou animosidade em várias etapas de 2019, busca tirar o time de um jejum de 13 anos. O último título foi em 2007, com o finlandês Kimi Raikkonen, atualmente na Alfa Romeo.

Vettel e Leclerc buscam tirar a Ferrari de um jejum de 13 anos sem títulos. Fotos: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

A Mercedes, que competirá com o W11, tendo como pilotos o pentacampeão Lewis Hamilton e Valtteri Bottas, exibiu apenas a sigla do novo carro, sem qualquer imagem da fábrica ou do monoposto. A equipe alemã constitui uma hegemonia que dura seis temporadas, sendo cinco títulos de Hamilton e um do aposentado Nico Rosberg.

A McLaren, que utiliza propulsor da Renault, mostrou um mecânico acionando a unidade de potência por meio do motor de arranque externo, prática habitual nos carros de Fórmula 1. Em seguida, vários funcionários do time de Woking aparecem sorrindo ao ouvir o som do novo carro, batizado de MCL35, que será pilotado pela dupla Carlos Sainz e Lando Norris. Aliás, falando em Renault, 2020 será o último ano que a McLaren será impulsionada pelos propulsores franceses. Em 2021, ano que contará com um novo regulamento, o time inglês reestabelecerá uma parceria que foi bastante vitoriosa, com a Mercedes.

Antes do iníco da temporada, os dez times da Fórmula 1 terão seis dias de atividades para os testes coletivos, sempre em Barcelona, no circuito da Catalunha. A primeira bateria acontece entre 19 e 21 de fevereiro, e a segunda, entre 26 e 28 do mesmo mês.

 

 


   

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR A HOME DE AUTOMOBILISMO DO PORTAL TERCEIRO TEMPO 

 

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR O CANAL DO BELLA MACCCHINA NO YOU TUBE

 

 

 

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    90
  • 2 San
    71
  • 3 Pal
    71
  • 4 Grê
    65
  • 5 Ath
    63
  • Veja tabela completa