O Athletico perdeu para o Recrativo de Cascavel por 1x0, na Arena da Baixada

O Athletico perdeu para o Recrativo de Cascavel por 1x0, na Arena da Baixada

Napoleão de Almeida 
Colaboração para o UOL

A primeira partida da nova identidade do Athletico entra para a história como uma derrota para o Recreativo de Cascavel, 1 a 0, dentro da Arena da Baixada. Aos olhos de 6945 pagantes, o Furacão entrou oficialmente na nova era tropeçando na estreia do novo uniforme, escudo e identidade - e, claro, do Paranaense 2019.

Taira, logo a 13 do primeiro tempo, marcou o gol do Recreativo em Curitiba. O time de Cascavel trocou de técnico a três dias da estreia, mas suportou a pressão da equipe de Rafael Guanaes, que não furou a retranca da equipe do interior.

"É um resultado que a gente não esperava, não gostaria. Gostaríamos de já estrear com os três pontos. Não conseguimos nos encontrar no primeiro tempo. Jogar contra equipes assim... até o treinador pediu desculpas pela forma como eles tiveram que atuar. Mas faz parte. Enfim, não dá para linkar um resultado como esse com um bom jogo. Não fizemos um bom jogo, é um trabalho que inicia, que está em construção, e através de uma derrota como essa traz muitas lições. É uma casca para que a gente possa se fortalecer", disse o técnico Rafael Guanaes em entrevista coletiva.

Não só o time apresentou problemas: a nova identidade visual também deu sinais de erros. O próprio clube iniciou o jogo com um escudo em referência no placar e depois mudou para outro, em imagem flagrada por um torcedor na Arena da Baixada.

Na próxima rodada, o Furacão visita o outro time de Cascavel, o FC Cascavel. Já o Recreativo enfrenta o Londrina, em casa.

Ficha Técnica

Athletico 0x1 Recreativo
Local: Arena da Baixada, em Curitiba-PR
Motivo: 1ª rodada da Taça Barcímio Sicupira, Paranaense 2019
Árbitro: Robson Babinski
Público Total: 6.466
Renda: R$157.829,00
Gol: Taira, aos 13 do primeiro tempo para o Recreativo

Athletico: Léo; Reginaldo, Eder, Robson Bambu (Erick), Nicolas e Alex Nagib; Bruno Rodrigues, Matheus Anjos (João Pedro), Marquinho; Bergson e Juninho (Anderson Plata). Técnico Rafael Guanaes

Recreativo: Marcos Paulo; Lapa, Correia, Cristiano e Taira; Hildo, Djair (Castro), Ronaldo (Giba) e Sassá; Fernando (Matheus) e Michael. Técnico Lorival Santos

(Foto: Gabriela Savio/CCR - retirada do UOL)

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 San
    32
  • 2 Fla
    30
  • 3 Pal
    30
  • 4 Atl
    27
  • 5 São
    27
  • Veja tabela completa