Carille já havia quebrado marcas ao levar ao Corinthians ao título estadual de 2018

Carille já havia quebrado marcas ao levar ao Corinthians ao título estadual de 2018

Diego Salgado
Do UOL, em São Paulo

Três marcas históricas e difíceis de serem batidas já fazem parte do passado do Campeonato Paulista. Com o título do Corinthians na final contra o São Paulo, o técnico Fábio Carille se tornou o primeiro técnico três vezes campeão estadual pelo time alvinegro em 95 anos.

Além disso, o treinador ajudou o Corinthians a ser tri estadual novamente depois de oito décadas. Carille também igualou a marca de Antoninho, técnico que levou o Santos a três conquistas seguidas no Paulistão há exatos 50 anos, em 1967, 1968 e 1969, com Pelé na ativa.

Nos últimos 50 anos, Vanderlei Luxemburgo também conseguiu faturar três títulos seguidos do Campeonato Paulista, mas por times distintos (2006 e 2007, com o Santos, e 2008, com o Palmeiras).

Agora dono de 30 títulos do Paulistão, o Corinthians não conseguia emendar três taças consecutivas desde 1937/1938/1939. Antes, obteve o tri em duas oportunidades: 1922/1923/1924 e 1928/1929/1930. Nessas conquistas, apenas um treinador na história corintiana obteve três títulos estaduais em sequência: Guido Giacominelli, em 1924.

Carille já havia quebrado marcas ao levar ao Corinthians ao título estadual de 2018. Na ocasião, o treinador ajudou o clube a encerrar um jejum de 35 anos, já que a última vez que o time alvinegro havia erguido a taça do Paulista por duas temporadas consecutivas foi em 1982 e 1983. No ano seguinte, os corintianos perderam o tri para o Santos, na última partida do campeonato de pontos corridos, numa derrota por 1 a 0, gol de Serginho Chulapa.

O Santos, inclusive, foi superado pelo Corinthians, que agora soma quatro sequências com três títulos seguidos, contra três do rival. Após o terceiro tri estadual corintiano em 1939, os santistas conseguiram alcançar a marca três vezes, igualando a disputa.

A equipe santista venceu em 1960/1961/1962, 1967/1968/1969 e 2010/2011/2012. Lula e Antoninho foram os responsáveis pelas duas primeiras sequências, enquanto Dorival Júnior (2010) e Muricy Ramalho (2011 e 2012) comandaram o Santos nas outras campanhas vitoriosas.

Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Compartilhe:
Imagem Nuvem de Notificações

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Pal
    13
  • 2 Atl
    12
  • 3 São
    11
  • 4 San
    10
  • 5 Int
    9
  • Veja tabela completa