Equipe chilena busca o tricampeonato no torneio. Foto: Raul Arboleda/AFP/via UOL

Equipe chilena busca o tricampeonato no torneio. Foto: Raul Arboleda/AFP/via UOL

Em busca do tricampeonato da Copa América, o Chile foi até a Arena Fonte Nova enfrentar o Equador e conseguiu vencer pelo placar de 2 a 1, gols de Fuenzalida, Sánchez e Valência. Com o resultado, os chilenos garantiram vaga nas quartas de final do torneio continental e precisam de apenas um empate na próxima rodada para terminarem como líderes do Grupo C.

Logo aos sete minutos do primeiro tempo, o atacante Fuenzalida aproveitou uma bela jogada de ataque para acertar um belo chute cruzado na entrada da área, sem qualquer chance para o goleiro Domínguez. A bola ainda bateu caprichosamente na trave esquerda antes de estufar as redes equatorianas. Depois de abrir o marcador, o time chileno manteve a posse de bola e deu poucas chances para os adversários, que mostravam muita dificuldade na criação de jogadas ofensivas.

Porém, uma falha da defesa chilena permitiu o gol de empate do Equador, já que o goleiro Arias perdeu o tempo de bola e cometeu pênalti em Jhegson Méndez, convertida no meio do gol pelo atacante Enner Valencia. Vale destacar que nesse lance e uma outra falta do arqueiro chileno foram revisados pelo VAR e gerou revolta de parte da torcida pela grande demora para retomar o jogo, que ficou parado por mais de cinco minutos.

Já no segundo tempo, o Chile voltou mais agressivo e ficou novamente na frente do placar logo aos cinco minutos, após chute de Alexis Sánchez no canto esquerdo do goleiro equatoriano. Após o segundo tento, o jogo perdeu em emoção e foram poucas as chances de gol dos dois lados.

Na próxima rodada, os chilenos não deverão ter vida fácil já que enfrentam o Uruguai, na segunda-feira, dia 24, às 20 horas, no estádio do Maracanã, na disputa pela primeira posição do Grupo C. Já a equipe do Equador jogará diante do Japão, que fez uma boa partida diante dos uruguaios, na segunda rodada. O confronto acontecerá também às 20 horas, no dia 24, porém no estádio do Mineirão.

Vale lembrar que os dois países têm um histórico bem diferente na Copa América. Enquanto o Chile é o atual bicampeão do torneio e busca o tricampeonato, algo que um país não faz desde a Argentina em (1945,1946 e 1947), os equatroianos jamais chegaram em uma única final e tentam uma vaga nas quartas de final para já marcar história em seu país.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Fla
    52
  • 2 Pal
    47
  • 3 San
    44
  • 4 Cor
    42
  • 5 São
    39
  • Veja tabela completa