Galo não teve dificuldade para vencer o time alagoano. Foto: TV UOL/Divulgação

Galo não teve dificuldade para vencer o time alagoano. Foto: TV UOL/Divulgação

Com muita facilidade, o Atlético-MG goleou o CSA por 4 a 0 hoje, pelo Campeonato Brasileiro. Jogando no Independência, o Galo foi melhor durante todo o jogo e construiu a vitória com gols de Fábio Santos, Cazares, Chará e Adilson.

Com o resultado, a equipe mineira vai aos 15 pontos, voltando a encostar no Palmeiras e ficando a apenas um ponto do líder - o time paulista tem um jogo a menos depois que a vitória sobre o Botafogo não foi homologada. Já o time de Alagoas permanece com seis, abrindo a zona de rebaixamento.

Quem foi bem: Chará se destaca na frente

O jogador quase fez uma pintura fazendo fila na defesa do CSA, mas guardou o seu no início do segundo tempo. Além disso, Chará ainda fez uma partida há muito tempo não vista no Galo. Intenso, veloz e ousado, foi um dos maiores destaques no setor ofensivo. Menção honrosa também para Alerrandro, que fez o dele, se movimentou bastante, ajudou muito na criação e quase anotou um golaço de cobertura que bateu na trave.

Quem foi mal: Sobrecarregado, Gérson sofre

Não só pelo pênalti cometido em Alerrandro, mas Gérson teve uma atuação muito ruim. Muitas vezes se complicou por causa do excesso de trabalho na zaga, e outras devido a erros por ele mesmo cometidos.

Mascarado, Réver volta comandando a zaga

Rrecuperado de uma pancada no nariz, Réver voltou com tudo ao time do Galo. Nem mesmo a máscara que precisou usar durante todo o jogo incomodou o capitão e o impediu de realizar uma partida segura, com cortes eficientes e solidez no campo defensivo.

Desempenho do Alético

Jordi fez duas ótimas defesas e evitou gols de Patric e Chará. Quando foi vencido por Alerrandro, o atacante estava impedido. Assim foram os três primeiros minutos do Galo. Nos seguintes, Chará driblou quase todo o time adversário e só parou com a bola tocando a trave. Mas o gol era só questão de tempo, e o Atlético fez isso com Fábio Santos, após Alerrandro sofrer pênalti, e com Cazares, em golaço de falta. Organizado, comprometido e intenso, o time da casa foi melhor o tempo inteiro e continuou avassalador na etapa final, balançando as redes com Chará e Adilson. Melhor do início ao fim, o alvinegro foi praticamente impecável.

Atuação do CSA

Embora seja um time inferior, o CSA não jogou atrás. Alguns chutões para sair do sufoco foram dados, mas o time sempre buscou o equilíbrio para atacar com cautela sem ficar na retranca, mesmo após sofrer os gols ao longo da partida. Apesar do comportamento destemido, foi neutralizado pelos lados, perdendo seus pontos mais fortes. Limitado tecnicamente, não teve forças para reagir nem levar perigos à meta de Victor.

Cronologia do jogo

Aa blitz no início do jogo rendeu ao CSA os cartões para Gérson e Apodi. Em seguida, Naldo também foi amarelado. Pouco depois, Fábio Santos abriu o placar de pênalti, aos 19 minutos. Três minutos mais tarde, Cazares ampliou de falta. No segundo tempo, Chará fez o terceiro, aos quatro minutos, e Adilson fechou a conta aos 30.

CSA começa de branco e termina de azul

O time do CSA começou a partida com seu uniforme branco, considerado reserva. Após o intervalo, o árbitro Diego Pombo Lopes pediu para o time trocar de roupa para evitar confusão sobre as cores. O retorno ao campo de jogo vestindo azul rendeu algumas manifestações dos torcedores no Horto por causa da cor, a mesma do rival Cruzeiro.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-MG 4x0 CSA

Data: 02/06/2019
Local: Independência, em Belo Horizonte
Hora: 19h (de Brasília)
Gols: Fábio Santos, aos 19, e Cazares, aos 22 minutos do primeiro tempo; Chará, aos 4, e Adilson, aos 30 do segundo tempo.

ATLÉTICO-MG: Victor; Patric, Réver, Igor Rabello e Fábio Santos; Adilson, Elias (Bruninho); Cazares, Luan (Vinícius) e Chará (Geuvânio); Ricardo Oliveira. Técnico: Rodrigo Santana.

CSA: Jordi; Apodi (Celsinho), Gerson, Luciano Castán e Carlinhos; Naldo, Dawhan; Matheus Sávio, Didira (Cassiano) e Maranhão (Victor Paraíba); Patrick Fabiano. Técnico: Marcelo Cabo.

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 San
    32
  • 2 Fla
    30
  • 3 Pal
    30
  • 4 Atl
    27
  • 5 São
    27
  • Veja tabela completa