Modelo com chassi italiano Tatuus no camarote do BRB em Interlagos. Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

Modelo com chassi italiano Tatuus no camarote do BRB em Interlagos. Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

Foi apresentado neste sábado (11), em Interlagos, o monoposto da Fórmula 4 Brasil, categoria que terá seu campeonato a partir de 2022, com certificação da FIA (Federação INternacional de Automobilismo).

Fernando Julianelli, CEO da Vicar, que está promovendo a nova categoria nacional, iniciou a apresentação ao lado de Gastão Fráguas, que é o responsável técnico da categori no Brasil. Fráguas, que foi campeão mundial de kart em 1995, na ocasião derrotando o britânico Jenson Button, tem uma longa trajetória gerenciando carreiras de pilotos, entre eles Caio Collet, hoje na F3.

Julianelli enfatizou o empenho da Vicar para não apenas trazer a categoria com chancela FiA, que está presente em diversos países, mas também em que já nesta temporada de estreia o carro seja o monoposto atualizado da categoria, cujo patrocinador máster é o Banco BRB, que estava representado por seu presidente, Pedro Henrique Costa, que também falou aos convidados da imprensa, pilotos e demais convidados.

O modelo exibido no camarote do BRB, principal apoiador do projeto, tem o chassi fabricado pela italiana Tatuus (modelo F4 T-021) e motor Abarth-Autotecnica 1.4, com 176cv de potência. O câmbio, acionado por sistema de borboletas, no volante, é de responsabilidade da francesaa SADEV, com seis marchas, e a ignição eletrônica é da Magneti-Marelli. A Pirelli será a fornecedora exclusiva de pneus.

De acordo com a Vicar, 16 carros participam da temporada brasileira de estreia da Fórmula 4 no próximo ano, entre eles o filho caçula de Rubens Barrichello, Fernando, e o sobrinho do atual piloto da Stock, Felipe Bartz.

Fernando Julianelli, que durante seu discurso pediu uma salva de palmas a Wilsinho Fittipaldi, que estava acompanhado de sua esposa Rita, também destacou outro aspecto importante da Fórmula 4 Brasil, afirmando que entre todas as que estão em curso pelo mundo, a nacional será a de menor custo.

Interlagos vive um fim de semana de decisão na Stock Car, em sua última etapa, com dois pilotos na luta pelo campeonato. Gabriel Casagrande e Daniel Serra. Thiago Camilo, que tinha chances matemáticas, disse adeus à possibilidade pois não conseguiu a pole, que lhe garantiria dois pontos na tabela.

 Fernando Julianelli (Vicar), Pedro Henrique Costa (BRB) e Gastão Fráguas, responsável técnico pela categoria. Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

 

Cockpit do carro da Fórmula 4 Brasil. Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

 

Renata Barrichello e o filho Felipe Bartz, um dos pilotos que estará na categoria em 2022. Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

 

Wilsinho Fittipaldi e Reginaldo Leme no camarote do BRB. Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

 

Pedro Henrique Costa, presidente do BRB. Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

 

Rodolpho Siqueira (assessor de imprensa da Stock) e o jornalista José Emilio Aguiar. Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

 

 O trio de jornalistas Meg Cotrim, Joka Finardi e Isabel Reis. Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

 

Pedro Henrique Costa, presidente do BRB e Reginaldo Leme. Foto: Marcos Júnior MichelettiqPortal TT 

 


      

  

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR A HOME DE AUTOMOBILISMO DO PORTAL TERCEIRO TEMPO 

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR O CANAL DO BELLA MACCCHINA NO YOUTUBE

 

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa